Táxi Cristiano 24h - Sua opção de transporte pessoal em São Gabriel

Estarmed Assistencial - Um plano de saúde gabrielense para os gabrielenses

Sua formação não pode esperar - Ingresse na Urcamp!

Cotribá - Cooperativismo para a produtividade em São Gabriel e região

Aproveite a Temporada Verão 2024 Peruzzo!

Vem para a Unopar em São Gabriel!

Danilo Pires Assistência Técnica agora é Good Place, com o melhor em Apple

Curso Sargento Anderson - campeão de aprovações em São Gabriel e região

anúncio prefeitura sg dengue

Super Engenho São Gabriel - Mais qualidade para sua família

Foco no Futuro com a Urcamp - inscrições para o vestibular de verão abertas!

São Gabriel Saneamento - o melhor está por vir, acredite

Estarmed Assistencial - Um plano de saúde gabrielense para os gabrielenses

Urbano Alimentos - colaborando para o crescimento de São Gabriel e região

Aproveite a Temporada Verão 2024 Peruzzo!

Ajude o Rio Grande do Sul neste momento difícil! O Sicredi está nessa!

Drª Sandra Regina Marçolla Weber - na VidaMed

13 janeiro 2023

Ataques terroristas | Gabrielense está preso em Brasília

Gabrielense está entre os mais de mil presos por fazer parte de ações que levaram aos atos terroristas em Brasília no dia 8 de janeiro (foto reprodução/TV Globo)

Um gabrielense de 53 anos está preso em Brasília por envolvimento nos atos que resultaram nos ataques terroristas ocorridos na Praça dos Três Poderes, no dia 8 de janeiro. O gabrielense é 1º tenente da reserva da Brigada Militar e é um dos, até o momento, 17 pessoas do Estado presas na capital federal, informaram os sites G1 e Poder360. Em recente atualização, familiar do militar informou que o ônibus em que ele vinha, chegou ao acampamento uma hora depois dos fatos ocorridos na Praça dos Três Poderes.

Entre os presos, há microempreendedores individuais, empresários, professores e servidores públicos, de cidades como Gravataí, Bagé, Santa Maria, Três Passos, Santa Rosa, Porto Alegre, Pantano Grande, Horizontina, Passo Fundo, São Leopoldo, São Gabriel e Caxias do Sul. Embora esteja preso, ainda não se sabe ainda se o gabrielense - que foi bombeiro militar na ativa e estaria no policiamento nos últimos anos - participou dos ataques ou estava no acampamento montado na Praça dos Cristais, em frente ao chamado "Forte Apache" do Exército na capital federal.

Até esta quinta, a lista de presos passava de mil pessoas, entre as que estavam no acampamento montado em frente ao QG do Exército e os que teriam participado nos ataques terroristas aos prédios do Planalto, Congresso Nacional e Supremo Tribunal Federal. Segundo fontes, a família já estaria providenciando advogados para a sua defesa. 

ATUALIZAÇÃO: Há pouco, uma familiar do tenente da reserva gabrielense informou que o ônibus que ele estava chegou uma hora depois dos atos de invasão e depredação das repartições em Brasília. Ele teria informado que estava no acampamento que ficava a seis quilômetros do local dos atos e que foi detido pela Polícia Federal, passou pela triagem e foi preso. Os familiares não conseguem contato com ele desde 11 de janeiro.

Reportagem: Marcelo Ribeiro, com informações do G1 
Data: 13/01/2023 09h48 
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.