Crime aconteceu em 14 de janeiro de 2018, no Bairro Gabrielense, onde dois irmãos e amigo foram executados por vingança (foto Marcelo Ribeiro/portal Caderno7)

Um crime ocorrido em 2018 terá seu julgamento a partir desta quarta-feira, 9 de novembro, no Fórum de São Gabriel. A Comarca local do Tribunal de Justiça vai levar a julgamento a partir das 9 horas no Salão do Júri, João Júnior Arruda Nunes (Gordo Arruda), Anderson Rodrigues e Pablo Samuel Prado Marcelino, pelas mortes dos irmãos Maicon e Conrado Silveira Soares, de 20 e 28 anos e Igor Rodrigues Soares, 22 anos.

Os irmãos e Igor foram executados a tiros em 14 de janeiro de 2018, quando estavam na frente de uma residência no Bairro Gabrielense na RS-630, próximo ao Residencial Antônio Trilha. Os três estariam conversando quando uma moto, pilotada por Anderson, trazia Pablo na carona, que executou os três. Anderson foi preso dias após e Pablo, preso em Frederico Westphalen em 4 de fevereiro, em um comboio com dois veículos roubados e placas clonadas que foi apreendido pela Brigada Militar e Polícia Rodoviária Federal. Arruda já estava preso por tráfico no Presídio Estadual de São Gabriel. 

O crime teria sido encomendado por Arruda, em vingança a uma troca de ameaças entre ele e Conrado, um dos irmãos, por conta de discordâncias no tráfico. Anderson será defendido por Rodrigo de Oliveira Vieira e Viviane Bertol e os demais réus, por Defensor Público designado pela Justiça Estadual. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 08/11/2022 16h20
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Post a Comment

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.