O homem de 32 anos que tentou assassinar a ex-companheira de 27 anos nesta sexta-feira (17), se entregou à Polícia Civil na tarde deste sábado, 18 de dezembro. O crime aconteceu por volta das 11 horas da manhã, na residência da irmã da vítima, no Bairro Santa Brígida e a mulher foi levada para a Santa Casa de Caridade com vários cortes nos braços, pescoço e ombros. 

Segundo informações, o homem, que tinha fugido após a tentativa de feminicídio, se apresentou na Delegacia na tarde deste sábado. Ele não aceitava o fim do relacionamento com a vítima. O crime não terminou em tragédia porque a mãe da vítima intercedeu e impediu o agressor de ir adiante, também resultando ferida. A violência aconteceu na frente dos dois filhos pequenos da vítima, de 4 e 6 anos. 

O autor das agressões já teria registro policial por violência doméstica e ficou preso por tráfico, sendo solto no começo do mês em liberdade provisória. 

NOTA DA REDAÇÃO: Nunca será demais esclarecer: não vamos divulgar o nome da vítima e nem do agressor para preservar a vítima do crime e também por causa da Lei de Abuso de Autoridade, que pode responsabilizar tanto os agentes policiais quanto profissionais da imprensa. Outros meios já divulgaram, mas vamos fazer o correto dentro da lei e do que norteia os princípios do jornalismo ético. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 18/12/2021 16h35
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Post a Comment

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.