Irmãos Heliel e Muriel Chaves, participantes do Desafio Farroupilha, gravaram participação no Galpão Crioulo, que irá ao ar neste sábado e domingo, 11 e 12 de dezembro (foto divulgação)

Participantes do Desafio Farroupilha, os pequenos trovadores gabrielenses, irmãos Heliel e Muriel Chaves, 6 e 7 anos, estarão participando neste final de semana do programa "Galpão Crioulo", da RBS TV, dentro da programação de atividades do reality tradicionalista. Eles estarão com a cantora Tetê Carvalho, uma de suas professoras e juradas do Desafio e seu tio, o trovador Cravinho Chaves, no sábado e domingo, 11 e 12 de dezembro, nas primeiras horas da manhã.

Irmãos participaram do quadro "Roda de Galpão", demonstrando habilidade nas trovas

Participação teve apoio também do tio, o premiado trovador Cravinho Chaves

Heliel e Muriel Chaves, que são da nova geração da família conhecida de trovadores gabrielenses, estarão realizando trovas no programa que foi gravado nesta semana. Eles participaram de coreografia que vai contar a história da trova no Rio Grande do Sul, interpretando Gildo de Freitas e Teixeirinha, baseada no livro "A pilcha nova do patrão", também inspirada na fábula "A roupa nova do rei". A apresentação foi da invernada mirim do CTG Independência Gaúcha, de Esteio, sob a coordenação do coreógrafo Juarez Paiva.

Para preparar a apresentação, eles compuseram versos com Tetê Carvalho e a trova com Jadir Filho e Capitão Faustino e o Desafio foi encerrado no sábado, 4 de dezembro, com a apresentação - Heliel fraturou o braço em casa e mesmo assim, participou da apresentação. Eles salientam que decidiram seguir a carreira em homenagem ao avô, Noé, falecido neste ano e que também tinha a vida focada no repentismo. O programa vai ao ar no sábado, às 6h50, com reprise no domingo, às 6h20, apresentado por Neto Fagundes e Shana Müller. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 09/12/2021 08h51 
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Post a Comment

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.