Se a pandemia te atrapalhou, o REFIS te regulariza! Prefeitura de São Gabriel

Assine 200 mega por 99,00 e leve mais 30 mega por 1 pila! CLIQUE AQUI

www.peruzzo.com.br - Acesse, compre e receba em casa!

Painéis Solares A Elétrica - Energia Solar em até 120x

Urbano 60 anos - Parte da família da gente!

Clínica Imuniza - Muito mais do que vacinar, cuidar do seu bem estar - CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS

Faça seu cartão Cauzzo e tenha os melhores profissionais para sua saúde

O Sicredi Essência faz mais por você!

Use Odontologia em São Gabriel - saúde bucal para você e sua família

Anúncio Dra Ana Paula Ross

14 agosto 2021

Anúncio da nova sede da ESA ficou para outubro

Santa Maria terá de aguardar mais um pouco para saber se receberá a ESA; decisão ficou para outubro (foto Prefeitura de Santa Maria/divulgação)

Após muita expectativa sobre um possível anúncio da nova sede da Escola de Sargentos das Armas (ESA) para esta semana, a expectativa foi frustrada para as comunidades dos municípios que aguardavam. A reunião do Alto Comando do Exército, que se encerrou nesta sexta (13), decidiu por adiar a decisão para outubro por conta da complexidade do processo. Disputam a ESA as cidades de Santa Maria (RS), Ponta Grossa (PR) e Recife (PE). 

Em vídeo, o prefeito de Santa Maria, Jorge Pozzobom (PSDB), enfatizou que a mobilização seguirá para que o único município gaúcho no páreo possa deixar para trás as concorrentes. "Agora, o trabalho continua, até outubro, continuaremos fazendo tudo que estiver ao nosso alcance, para trazer essa conquista para nossa cidade! Quero que os meus amigos deixem aqui um comentário de otimismo, todos nós torcendo pela ESA", afirmou Pozzobom.

Segundo fontes, a briga estaria entre Santa Maria e Ponta Grossa; Santa Maria teria vantagem por oferecer estrutura e ter um contingente militar numeroso na cidade, atrás somente do Rio de Janeiro, além do custo de vida em conta. Porém, um fator que pesa é o fato de que o Paraná é governado por um aliado do presidente Jair Bolsonaro, Ratinho Junior (PSD) e boatos chegaram a afirmar que Ponta Grossa teria preferência por isso. 

Se Santa Maria emplacar o investimento da ESA, serão aportados valores expressivos na economia local. A construção de mais de 40 prédios e de uma nova Vila Militar irá injetar mais de R$ 1,2 bilhão em um período que pode ir de cinco a 10 anos de obras. O prefeito também destaca que outra vantagem de Santa Maria é o fato de o deputado federal Giovani Cherini (PP) ter articulado a inclusão, junto à Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) no Congresso, a liberação de recursos para a construção da ESA no município. Ou seja, a unidade poderia ser erguida com recursos da União e não somente do Ministério da Defesa ou do Exército.

Reportagem: Marcelo Ribeiro, com informações do Diário de Santa Maria
Data: 14/08/2021 10h52 
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.