26 junho 2021

Médico gabrielense morre vítima da covid-19

Médico nascido em São Gabriel e que era referência na área médica morreu nesta sexta-feira aos 81 anos, vítima de complicações decorrentes da covid-19 (foto divulgação/AMRIGS)

O médico gabrielense Amaral José de Freitas Cunha morreu nesta sexta-feira (25) aos 81 anos, vítima de complicações da covid-19, em Porto Alegre, onde residia. Médico angiologista e cirurgião vascular, Dr. Amaral, como era conhecido, era associado jubilado da Associação Médica do RS (AMRIGS). 

Nascido em 19 de julho de 1939 em São Gabriel, Amaral tinha como sonho a Medicina. Cursou e se formou pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), onde contou com os ensinamentos dos médicos Mário Hortêncio da Silva e Sérgio Azambuja, que o incentivaram a seguir a especialidade de cirurgia vascular.

Ele era médico titular ativo do Hospital Ernesto Dornelles, em Porto Alegre. Se destacou como um grande cirurgião da medicina gaúcha, por durante 40 anos de atividade profissional. Ajudou a formar centenas de profissionais durante sua trajetória. 

Também era integrante da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular do RS, da qual era sócio ativo e jubilado. Deixa a esposa Iara Maria Moreira Cunha e os filhos Bruno Moreira da Cunha (advogado) e Hugo Moreira da Cunha (cirurgião-vascular) e segundo o obituário publicado neste sábado em Zero Hora, era definido como uma pessoa íntegra, honesta, alegre e agradável. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro, com informações de Zero Hora
Data: 26/06/2021 14h26
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.