29 novembro 2020

Eleições 2020: Rio Grande do Sul define prefeitos eleitos e reeleitos

Em Santa Maria, Jorge Pozzobom se reelegeu prefeito com 18 mil votos de vantagem para o então vice, Sérgio Cechin, do Progressistas (foto arquivo C7)

Com maior rapidez e sem os problemas do primeiro turno que atrasaram a apuração, o segundo turno das Eleições Municipais teve a maioria dos resultados anunciados antes das 19h no Rio Grande do Sul. Na região, Jorge Pozzobom (PSDB) garantiu a reeleição com tranquilidade em Santa Maria, com mais de 18 mil votos de diferença para Sérgio Cechin, do PP.

O resultado foi mais folgado do que sua primeira eleição, que foi decidida por pouco mais de 600 votos. Pozzobom terá como vice o empresário Rodrigo Décimo, do PSL e teve o apoio do Democratas, PTB, Podemos e PTC. 

Em Porto Alegre, Sebastião Melo, do MDB, venceu Manuela D'Ávila, com quase 100% das urnas apuradas até as 19h10. O candidato, atualmente deputado estadual, conseguiu chegar à Prefeitura de Porto Alegre quatro anos após perder para Nelson Marchezan, do PSDB e terá como vice, Ricardo Gomes, do DEM. A coligação tem ainda o Cidadania, Solidariedade, Democracia Cristã (antigo PSDC), PRTB e PTC. 

A primeira cidade a decidir a eleição foi Canoas e com uma virada. O ex-prefeito Jairo Jorge, do PSD, chegou ao terceiro mandato após virar no meio da apuração a desvantagem inicial para o atual prefeito, Luiz Carlos Busato (PTB) e venceu a disputa na cidade. Ele terá como vice, Dr. Nedy e tem o apoio dos partidos Solidariedade, Avante, PV, PSB, Podemos e Patriota. 

Outra virada ocorreu em Caxias do Sul, onde o vereador Adiló Didomenico, do PSDB, após perder no primeiro turno, venceu ao ex-prefeito e deputado Pepe Vargas, do PT e conquistou o primeiro mandato na Prefeitura caxiense. Adiló tem como vice Paula Ioris e teve o apoio do PTB, PSC, PSDB, Solidariedade e PROS.

Finalizando, Pelotas reelegeu a atual prefeita, Paula Mascarenhas, do PSDB, que por pouco não definiu tudo no primeiro turno. Ela venceu a Ivan Duarte, do PT, que foi para o pleito após sucessivas candidaturas dos Marroni. A eleição em Pelotas teve um racha no PP, que iria apoiar Paula - inclusive já tendo indicado o vice, que seria Roger Ney - mas após decisão judicial, o partido foi com o ex-prefeito Adolfo Fetter Júnior, que acabou encerrando melancolicamente sua carreira. Ela manteve o atual vice, Idemar Barz (PTB) e teve o apoio ainda do DC, PSL, PTB, PL, Solidariedade, PSD e Republicanos.

Confira os resultados eleitorais no RS:

SANTA MARIA
Jorge Pozzobom (PSDB) - 57,29% (71.927 votos)
Sérgio Cechin (PP) - 42,71% (53.616 votos)
POZZOBOM REELEITO

PORTO ALEGRE
Sebastião Melo (MDB) - 54,63% (370.550 votos)
Manuela D'Ávila (PC do B) - 45,37% (307.445 votos)
MELO ELEITO

CAXIAS DO SUL
Adiló DiDomenico (PSDB) - 59,57% (136.590 votos)
Pepe Vargas (PT) - 40,43% (92.707 votos)
ADILÓ ELEITO

PELOTAS
Paula Mascarenhas (PSDB) - 68,70% (105.206 votos)
Ivan Duarte (PT) - 31,30% (47.941 votos)
PAULA REELEITA

CANOAS
Jairo Jorge (PSD) - 53,06% (82.137 votos)
Luiz Carlos Busato (PTB) - 46,94% (72.649 votos)
JAIRO JORGE ELEITO

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 29/11/2020 19h33
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.