São Gabriel recebeu até agora, cerca de 29 milhões em auxílio emergencial que foi destinado para os beneficiários (foto ilustrativa)
Com a pandemia de covid-19, a situação econômica se mostrou complicada para todos, principalmente dos mais necessitados e carentes economicamente. Em São Gabriel não foi diferente, mas os recursos do auxílio emergencial, que não foram poucos, vieram em boa hora para o comércio e a comunidade local. De acordo com o Portal da Transparência do Ministério da Cidadania, desde que o auxílio começou a ser pago em abril, um total de R$ 29.521.800,00 (vinte e nove milhões, quinhentos e vinte e um mil e oitocentos reais) já foram destinados para os beneficiados no município.

Se somarmos os valores do Bolsa Família e do Benefício de Prestação Continuada (BPC), pagos de janeiro até julho de 2020, chegamos a um total de R$ 46.336.145,34 (quarenta e cinco milhões, trezentos e trinta e seis mil, cento e quarenta e cinco reais, trinta e quatro centavos) que já circularam no município e ainda circularão. Desmembrados, os valores pagos no BPC foram de R$ 14.453.160,34 (quatorze milhões, quatrocentos e cinquenta e três mil, cento e sessenta reais e trinta e quatro centavos) e do Bolsa Família, R$ 2.361.185,00 (dois milhões, trezentos e sessenta e um mil, cento e oitenta e cinco reais).

Na segunda-feira, vamos verificar junto às entidades do comércio os impactos deste recurso para a economia local, ainda mais que o auxílio deverá ser pago até o final do ano e poderá garantir um extra para datas como o Dia dos Pais, Dia das Crianças e Natal. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 01/08/2020 20h19 
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Post a Comment

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.