13 junho 2020

Coronavírus: Região de São Gabriel entra na bandeira vermelha

Quatro regiões do Estado passaram para bandeira vermelha de risco de contágio por covid-19 e comércio não-essencial pode ser fechado a partir de segunda-feira nas regiões (foto divulgação)
Esperada pelo Governo do Estado, a mudança de classificação do distanciamento controlado para conter o avanço do coronavírus (covid-19) foi confirmada neste sábado (13) em várias regiões e quatro delas passaram para a bandeira vermelha, entre elas, a de Uruguaiana, onde está São Gabriel, um claro sinal de alerta. Com a bandeira vermelha, medidas mais extremas devem ser tomadas, entre elas o fechamento do comércio considerado não-essencial e a restrição de serviços a partir de segunda-feira (15).

Passam a estar na bandeira vermelha as regiões de Uruguaiana (onde estão São Gabriel, Rosário do Sul e Santa Margarida), Santa Maria, Santo Ângelo e Caxias do Sul, que tiveram aumentos nos casos e internações nos municípios abrangidos por estas regiões determinadas pelo Governo gaúcho. A bandeira vermelha, em essência, impõe restrições mais severas àquelas adotadas em áreas com bandeira laranja. Sendo assim, nas regiões classificadas neste sábado como bandeira vermelha, somente estabelecimentos que vendem itens essenciais podem estar abertos, mantendo 50% dos trabalhadores. Os demais locais de comércio devem ficar fechados.

Restaurantes e lancherias ficam proibidos de receber clientes no local, mas podem atender em sistema de tele-entrega, drive-thru e pegue e leve. Nos shoppings, também fica permitido o acesso apenas a serviços essenciais, como farmácias, lavanderias e supermercados, que podem operar com apenas 25% dos funcionários. Fora isso, os shoppings devem permanecer fechados, sem circulação de pessoas.

As aulas devem ser mantidas de forma remota. Cursos livres, cujo funcionamento seria permitido, com respeito às medidas sanitárias, a partir do dia 15 de junho, devem permanecer fechados, assim como escolas de ensino infantil, fundamental e médio e universidades. Academias, missas e serviços religiosos, clubes sociais e esportivos (mesmo que com atendimento individual), e serviços de higiene pessoal, como cabeleireiro e barbeiro, por exemplo, passam a ser totalmente vedados. O Fórum de São Gabriel informou que suspendeu os atendimentos, que tinham o retorno planejado para a segunda-feira em expediente interno.

Confome as modificações, se a região atingir a bandeira vermelha ou preta, são necessárias duas semanas consecutivas com bandeiras menos graves para que haja mudança na cor. Isso é para evitar que indicadores apresentem falsas melhoras e para ter certeza que a região obteve as melhoras necessárias. Assim, para a região passar da bandeira amarela para a laranja, a taxa de avanço de hospitalizações por Covid-19, no período de duas semanas, terá que passar de 5% a 20%; para ir da laranja para a vermelha, o avanço deve ser de 20% a 50%; e, da vermelha para a preta, o avanço precisa ser de 50%.


Todas as regiões, seja qual for a bandeira na qual está classificada, devem seguir todos os protocolos de prevenção, que incluem uso de máscara, distanciamento entre as pessoas, higienização dos ambientes e das mãos, uso de equipamento de proteção individual (EPI), afastamento de casos positivos ou suspeitos, teto de ocupação e atendimento diferenciado para grupos de risco.

Reportagem: Marcelo Ribeiro, com informações do Governo do Estado 
Data: 13/06/2020 22h12 
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui, mas deixamos claro uma coisa. Não vamos tolerar bandalheiras e bagunça no blog, por que somos favoráveis ao debate, mas com respeito e educação:
- Identifique-se na hora de postar o comentário;
- Ofensas e xingamentos contra outras pessoas ou à direção do blog, não serão tolerados, além de ser passíveis de ações judiciais, com identificação dos responsáveis;
- Ao escrever, pense que o blog é seu. E que você pode ser acionado judicialmente pelos comentários;
- Não "ponha palavras" na boca dos outros, por que não vai passar;
- Quer deixar endereços web, use o cadastro na hora de comentar;
- CAIXA ALTA, erros de português ou outros semelhantes, nem pensar! Aqui não é local de gente que não está preparada para dar opinião, muito menos bagunceiros ou arruaceiros.
- O comentário tem que ser relacionado a postagem, do contrário, não será considerado.
- Denúncias de qualquer natureza, tem que ser feitas diretamente às autoridades, com a Brigada Militar pelo 190 e a Polícia Civil pelo 3232-6166.