30 março 2020

Corpo de jovem é encontrado sem vida em Rosário do Sul

Corpo de jovem foi encontrado na manhã desta segunda-feira em Rosário do Sul, após dois dias de buscas (foto Rede Sulamérica)
O corpo do jovem Miguel Cardoso Ramos Neto, 14 anos, que tinha sumido nas águas do Rio Santa Maria no final de semana em Rosário do Sul, foi encontrado nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira (30), a 300 metros de onde ele tinha sumido no sábado.



Miguel havia desaparecido no encontro dos rios Santa Maria com Ibicuí da Armada, quando as duas correntezas se encontram e formam uma espécie de redemoinho. Lá a profundidade da água pode chegar a cinco metros. 


Ele tinha ido pescar com outro tio e familiares no sábado (28), quando por volta de 12h30 desapareceu no buraco formado pelo encontro dos rios. As buscas iniciaram imediatamente e seguiram no domingo quando mergulhadores de Uruguaiana vieram auxiliar com buscas detalhadas.

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 30/03/2020 11h45
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui, mas deixamos claro uma coisa. Não vamos tolerar bandalheiras e bagunça no blog, por que somos favoráveis ao debate, mas com respeito e educação:
- Identifique-se na hora de postar o comentário;
- Ofensas e xingamentos contra outras pessoas ou à direção do blog, não serão tolerados, além de ser passíveis de ações judiciais, com identificação dos responsáveis;
- Ao escrever, pense que o blog é seu. E que você pode ser acionado judicialmente pelos comentários;
- Não "ponha palavras" na boca dos outros, por que não vai passar;
- Quer deixar endereços web, use o cadastro na hora de comentar;
- CAIXA ALTA, erros de português ou outros semelhantes, nem pensar! Aqui não é local de gente que não está preparada para dar opinião, muito menos bagunceiros ou arruaceiros.
- O comentário tem que ser relacionado a postagem, do contrário, não será considerado.
- Denúncias de qualquer natureza, tem que ser feitas diretamente às autoridades, com a Brigada Militar pelo 190 e a Polícia Civil pelo 3232-6166.