Caderno7 - O site de notícias da Metade Sul: Câmara de Vereadores de São Gabriel é a sexta em gastos com diárias

Dias 31/01, 1º e 2/02 - 2ª Festa da Cordeira e 1º Cordeiraço da Canção Nativa em Santa Margarida do Sul - prestigie!

Dia 1º de fevereiro, 9º Baile de Integração das Comunidades do Interior, nas Pontas do Salso

22-02-2020 Prestigie o Carnaval da Despertar, na Seven! Baile com Tudo di Bom. Clique aqui para mais info

Se inscreva no Vestibular de Verão da Urcamp - provas com agendamento diário

Dotto Advocacia - Cível, criminal, trabalhista, trânsito - clique aqui para entrar no site

Hospede-se na Rede de Hotéis Suárez, um hotel sempre perto de você! CLIQUE AQUI PRA FAZER SUA RESERVA

Conheça a Use Odontologia, agora em São Gabriel

Matricule-se no Fisk e ganhe um presente!

Garupa São Gabriel - Tá aqui do lado

Pague o IPTU 2020 em São Gabriel e tenha descontos até 10 de fevereiro!

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Inscreva-se no Valor S do Sicredi Pampa Gaúcho

Dra. Namiriane Müller Leal - Cirurgiã-dentista

Dra. Marcele Camponogara - Odontologia e Estética

Studio H de Mana, venha conhecer

Câmara de Vereadores de São Gabriel é a sexta em gastos com diárias

Câmara de Vereadores de São Gabriel é a sexta colocada em gastos com diárias no Estado, com mais de 180 mil reais, em estudo do Ministério Público de Contas nesta segunda-feira e divulgado pela RBS TV (foto arquivo C7)
Reportagem sobre gastos de diárias que está sendo divulgada pela RBS TV mostra que São Gabriel, mesmo com redução nos últimos anos, continua estando entre as dez Câmaras de Vereadores que mais gastam com diárias dos vereadores. A reportagem que está sendo publicada em série, traz o Legislativo gabrielense na 6ª colocação, com R$ 184.699,95 em gastos.



Lidera a lista no Estado a Câmara de Vereadores de Bom Jesus, com R$ 382 mil, seguida pela de Santana do Livramento, com R$ 238 mil em diárias. Em terceiro lugar, está o Poder Legislativo da cidade vizinha de Rosário do Sul, com R$ 229.987,00. O ranking foi divulgado pelo Ministério Público de Contas e se refere a 2018.

O estudo estabelece um ranking das despesas, indicando distorções gritantes. Em Bom Jesus, por exemplo, o Legislativo consumiu em viagens e inscrições para cursos 29% de todo o orçamento de 2018. O estudo coordenado pelo procurador-geral do MPC, Geraldo Da Camino, divide o ranking de acordo com vários critérios, como orçamento total e gastos com publicidade e diárias, detalhando despesas por habitante comparadas com indicadores sociais. No total, as câmaras tiveram, juntas, um orçamento de R$ 981,8 milhões no ano passado.

Em Bom Jesus, enquanto apenas três em cada dez crianças de até 3 anos estão na pré-escola, a Câmara liderou as despesas com viagens entre todas as cidades gaúchas. Só em diárias, foram consumidos R$ 382 mil. Fecham a listagem, Bagé (210.563,50), Pelotas (189.815,00), São Gabriel (184.699,95), Porto Alegre (181.880,88), Arroio do Sal (161.388,61), São Nicolau (148.290,00) e Tupanciretã (146.321,09). O procurador-geral do Ministério Público de Contas, Geraldo Da Camino, disse que só o controle dos gastos pela população pode evitar as distorções e gastos abusivos.

"A discrepância se deve justamente ao déficit de participação popular. Aquela comunidade em que os cidadãos participam, fiscalizam, definem suas prioridades são as que os gastos são alocados nas áreas prioritárias, como saúde e educação", diz o procurador, na reportagem produzida por Giovani Grizotti.


A Câmara de São Gabriel será uma das abordadas pela reportagem nesta semana, com previsão para quarta-feira. Vamos aguardar. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 13/05/2019 21h31
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: