Táxi Cristiano 24h - Sua opção de transporte pessoal em São Gabriel

Estarmed Assistencial - Um plano de saúde gabrielense para os gabrielenses

Sua formação não pode esperar - Ingresse na Urcamp!

Cotribá - Cooperativismo para a produtividade em São Gabriel e região

Aproveite a Temporada Verão 2024 Peruzzo!

Vem para a Unopar em São Gabriel!

Danilo Pires Assistência Técnica agora é Good Place, com o melhor em Apple

Curso Sargento Anderson - campeão de aprovações em São Gabriel e região

anúncio prefeitura sg dengue

Super Engenho São Gabriel - Mais qualidade para sua família

Foco no Futuro com a Urcamp - inscrições para o vestibular de verão abertas!

São Gabriel Saneamento - o melhor está por vir, acredite

Estarmed Assistencial - Um plano de saúde gabrielense para os gabrielenses

Urbano Alimentos - colaborando para o crescimento de São Gabriel e região

Aproveite a Temporada Verão 2024 Peruzzo!

Ajude o Rio Grande do Sul neste momento difícil! O Sicredi está nessa!

Drª Sandra Regina Marçolla Weber - na VidaMed

06 junho 2023

PERDA | São Gabriel perde o conhecido Barreirinho

Alceu dos Santos Andelzetro, conhecido como Barreirinho, morreu nesta segunda aos 73 anos (foto Marcelo Ribeiro/arquivo C7)

Morreu nesta segunda-feira (5) uma das figuras mais conhecidas de São Gabriel, entre os tipos populares e que tinha grande aceitação principalmente dos jovens. Alceu dos Santos Andelzetro, conhecido como Barreiro ou Barreirinho, faleceu aos 73 anos na Santa Casa de Caridade, onde estava hospitalizado e está sendo velado na Capela 2, na esquina da Rua Barão do Cambaí com General Marques. 

Barreirinho foi homenageado pelo Carnaval gabrielense no ano de 2013, pelo enredo "Atores da Nossa Terra", do antigo Bloco Leão de Ouro e que foi composto por Marcel da COHAB, Dalvan Medina e Ricardo Camargo, que fala dos tipos populares de nossa terra. 

Era conhecido por andar rápido nas ruas e sempre com uma sacola e um bolo de dinheiro em uma das mãos, às vezes chegando e pedindo "me dá dois cruzeiro", e por outras vezes, "xingando" (sem maldade) quem ele queria bem na rua com o "vai tomar no..." ou o "seu fiadaputa" (sic). Era bem quisto pela juventude local.

As últimas informações eram de que ele estava hospitalizado na Santa Casa, aos cuidados do Lar São João, onde ele estava asilado. Familiares estão acompanhando o velório, que deverá terminar até o final da tarde. À família, nossos sentimentos. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 06/06/2023 15h17 
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.