Investimentos farão com que São Gabriel tenha um dos melhores sistemas de saneamento básico do Estado (foto divulgação/SGS)

Conteúdo publicitário

Quando a concessionária São Gabriel Saneamento assumiu os serviços de saneamento básico no município, em 2012, o esgotamento sanitário só chegava a 12% da população. Atualmente, este índice é de 60%. Obras de ampliação do esgotamento sanitário, além da construção de uma nova estação de tratamento de esgoto fazem de São Gabriel uma das cidades gaúchas com melhor sistema de coleta e tratamento de esgoto. 

Hoje São Gabriel está em 7° lugar no índice de imóveis atendidos por rede coletora de esgoto, com 60% de atendimento, número superior a cidades como Santa Maria, Canoas e Gramado, por exemplo. O levantamento está considerando as 80 maiores cidades do RS, utilizando informações do SNIS (Sistema Nacional Sobre Saneamento Básico). 

No Brasil, 100 milhões de pessoas não têm coleta de esgoto. Ao mesmo tempo, apenas 50% do esgoto é tratado - o que significa que mais de 5,3 mil piscinas olímpicas de esgoto sem tratamento são despejadas na natureza todos os dias.

Atualmente São Gabriel tem capacidade de tratar 60% do esgoto gerado, mas com previsão de chegar a 90% em 2024, fato que irá transformar significativamente a situação de córregos, sangas e rios do município, impactando diretamente na qualidade de vida da população.

Reportagem: São Gabriel Saneamento/divulgação
Data: 02/09/2022 14h59
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Post a Comment

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.