Protesto em Guaíba, onde Gabriel residiu durante a vida toda, marcou primeiro mês de sua morte trágica em abordagem policial em São Gabriel (fotos divulgação)

Neste domingo (11), amigos e familiares de Gabriel Marques Cavalheiro realizaram protesto na cidade de Guaíba, onde ele estava residindo antes de vir para São Gabriel, para marcar um mês da morte do jovem de 18 anos. Uma caminhada silenciosa saiu da frente da Prefeitura de Guaíba, percorrendo as ruas até o Comando Regional de Policiamento Ostensivo (CRPO) Centro-Sul, também no município.

Amigos e familiares foram até o Comando Regional de Policiamento Centro-Sul para pedir providências sobre quem levou e escondeu o corpo da vítima

Faixas e cartazes foram levados no protesto que percorreu as principais ruas da cidade neste domingo

Levando cartazes com pedidos de justiça, o grupo reivindicou investigação sobre quem escondeu o corpo do jovem, como escondeu e se há participação de mais pessoas no crime além dos três policiais militares, o segundo-sargento Arleu Júnior Cardoso Jacobsen e os soldados Cléber Renato Ramos de Lima e Raul Veras Pedroso, que seguem presos. Coletivos de juventude também participaram do protesto.

As investigações já foram concluídas, onde a Justiça aceitou denúncia na última semana contra os PMs na Justiça comum por homicídio triplamente qualificado, motivo fútil, emprego de meio cruel e uso de recurso que impossibilitou a defesa da vítima e na Justiça Militar, por crimes militares de ocultação de cadáver e falsidade ideológica. 

No entendimento da acusação, Gabriel foi espancado durante a abordagem porque teria se dirigido a um dos PMs chamando-o de “fraco” e porque o jovem estava embriagado. O rapaz estava em São Gabriel para se apresentar para prestar serviço militar. 

Em São Gabriel, uma missa deverá ser rezada na terça-feira (13) para lembrar o primeiro mês da morte do jovem e manifestações estão sendo programadas para 12 de outubro, quando deverá ocorrer uma caminhada que está sendo organizada.

Confira o vídeo da mobilização, enviado por familiares:


Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 12/09/2022 09h52
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Post a Comment

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.