Inconformados com a informação de que a concessionária do transporte coletivo suspendeu a única linha que atendia o Campus, alunos da Unipampa foram até a Câmara de Vereadores e ao Ministério Público pedir socorro (fotos Marcelo Ribeiro/portal Caderno7)

Um duro golpe afeta os acadêmicos da Universidade Federal do Pampa (Unipampa), desde esta manhã de terça-feira (14). Os alunos, que já passavam por dificuldades causadas pela precariedade e escassez do transporte coletivo, foram surpreendidos pela decisão da empresa de suspender a única linha que atendia o Campus São Gabriel. Um grupo de alunos foi até a Câmara de Vereadores e ao Ministério Público para pedir providências para que a situação seja resolvida. A Prefeitura, por sua vez, disse que está com o processo licitatório emergencial encaminhado para ser realizado.

Vários alunos entraram em contato com a reportagem no começo da manhã para alertar que o ônibus não compareceu nesta manhã - os horários são reduzidos e havia somente um ou dois veículos para atender a mais de 100 alunos que usam o transporte - e funcionários da empresa passaram para avisar que a linha tinha sido suspensa. "Um dos funcionários avisou aos alunos que a linha seria suspensa pela empresa e que não teria até nova licitação", informou a aluna Tanira Prieto. Os alunos estiveram na Câmara de Vereadores, onde foram orientados a ir até o Ministério Público formalizar denúncia contra a empresa. 

Alunos foram até o Ministério Público pedir providências sobre a atitude da concessionária, que retirou a linha por causa da realização da licitação

Vice-diretora do Campus local, Beatriz Stoll Moraes esteve junto dos alunos para tentar uma solução também; ela informou que Reitoria já foi comunicada da situação

Alunos aguardaram uma posição do Ministério Público até o começo da tarde no local

Uma das representantes dos alunos, Karen Azevedo, frisou a preocupação dos alunos com uma possível paralisação da linha. "Se for conforme a empresa teria afirmado por meio de funcionários, de que a linha será suspensa até a realização da licitação, serão 20 dias de prejuízo, sem transporte, queremos que o Ministério Público tome alguma providência e faça algo, é impressionante o descaso da Coleurbanus", afirmou. Os acadêmicos, juntamente com a vice-diretora do Campus, Beatriz Stoll Moraes, estavam tentando contato com a Promotoria, que estava em agenda no Fórum, mas segundo informado pela secretaria do MP, o órgão teria recomendado a realização de uma nova licitação pela Prefeitura. Ela informou que a Reitoria já foi comunicada do problema. 

O prefeito Lucas Menezes, em entrevista à reportagem na manhã desta terça, afirmou que a Prefeitura estará realizando a licitação emergencial nos próximos dias para resolver esta questão. "Não somente para esta linha, também será necessária uma licitação emergencial para as linhas da Santa Clara e Azevedo Sodré, mas nos próximos dias deveremos ter uma definição e buscar uma solução para este impasse", afirmou.

A Prefeitura informou que o edital de chamamento público para a exploração da linha da Unipampa e da Santa Clara, além da do Azevedo Sodré já foi publicado e deverá ter a abertura dos envelopes em 28 de junho, às 14 horas, com valor mínimo de R$ 3,70 a passagem. Poderão participar empresas de transporte coletivo que atenderem os requisitos formais do edital e estiverem em plena regularidade fiscal e trabalhista.  A empresa que vencer para a exploração de uma ou mais linhas, será a que se sair melhor no critério da melhor pontuação, levando em conta fatores como menor tempo de mobilização, início de atividades dos veículos e idade média da frota.

A concessionária está operando de forma precária no serviço em São Gabriel após ter ingressado na Justiça em 2018, suspendendo a licitação anteriormente prevista alegando irregularidades no processo. Confira a manifestação dos líderes dos alunos, Karen e o colega Gilnei Viland, sobre o problema que atinge os alunos da instituição, que tem sido tão importante para a comunidade nestes tempos de pandemia e também ilustra o descaso da Coleurbanus:


Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 14/06/2022 15h36
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Post a Comment

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.