DNIT realizou vistoria na ponte do Bossoroca e concluiu que recolocação de escora permitirá volta do trânsito de caminhões na região, o que deverá ocorrer a partir de quinta (fotos Sérgio Coradini/divulgação)

Após vistoria na ponte sobre o Arroio Bossoroca, localizada no km 353 da BR-290/RS (entre o entroncamento com a BR-392/RS e o município de Vila Nova do Sul), que foi interditada para veículos pesados na sexta-feira (29), técnicos do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) definiram os serviços a serem executados no local. O prefeito de Vila Nova do Sul, Sérgio Coradini (PDT), está pressionando para que isso ocorra o quanto antes.

Em nota, o DNIT informou que "como não houve danos à estrutura e fundações, a solução indicada foi a recolocação da parte do escoramento que tombou em função das chuvas que atingiram a região", frisou. Para realização desses serviços, serão necessários ao menos oito dias de trabalho após o término das chuvas e a baixa do nível do rio. A previsão do início dos trabalhos é dia 4 (quarta-feira), com término ocorrendo no dia 11, desde que as condições climáticas sejam favoráveis.  

Até a conclusão dos serviços, a ponte poderá operar apenas com tráfego de veículos leves, em meia pista, orientado por um semáforo. Coradini esteve no local e já está gestionando junto ao DNIT para que isso possa ser o mais breve possível. "Estou cobrando para que isso ocorra, para que agilizem a escora do vão central e liberem a passagem de caminhões e ônibus", finalizou o prefeito.

FLAGRANTE - Vários leitores do site flagraram no final de semana, o trânsito de caminhões e ônibus pelo local, que mesmo com o anúncio do DNIT valendo a partir de sexta (28), ainda não estava bloqueado para trânsito de veículos pesados. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 02/05/2022 18h17
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Post a Comment

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.