Táxi Cristiano 24h - Sua opção de transporte pessoal em São Gabriel

Estarmed Assistencial - Um plano de saúde gabrielense para os gabrielenses

Sua formação não pode esperar - Ingresse na Urcamp!

Cotribá - Cooperativismo para a produtividade em São Gabriel e região

Aproveite a Temporada Verão 2024 Peruzzo!

Vem para a Unopar em São Gabriel!

Danilo Pires Assistência Técnica agora é Good Place, com o melhor em Apple

Curso Sargento Anderson - campeão de aprovações em São Gabriel e região

anúncio prefeitura sg dengue

Super Engenho São Gabriel - Mais qualidade para sua família

Foco no Futuro com a Urcamp - inscrições para o vestibular de verão abertas!

São Gabriel Saneamento - o melhor está por vir, acredite

Estarmed Assistencial - Um plano de saúde gabrielense para os gabrielenses

Urbano Alimentos - colaborando para o crescimento de São Gabriel e região

Aproveite a Temporada Verão 2024 Peruzzo!

Ajude o Rio Grande do Sul neste momento difícil! O Sicredi está nessa!

Drª Sandra Regina Marçolla Weber - na VidaMed

03 fevereiro 2022

Rosário do Sul | Estiagem faz o Rio Santa Maria ficar irreconhecível

Estiagem fez rio Santa Maria ficar próximo de um metro abaixo do nível normal em Rosário do Sul (foto Marcelo Ribeiro/site Caderno7)

A estiagem que castiga o Rio Grande do Sul neste verão fazem os rios baixarem de nível e até ficarem muito baixos. É o caso de um dos rios que irriga uma das praias de água doce mais conhecidas do interior do Estado, o Rio Santa Maria, que banha (ou banhava) a cidade vizinha de Rosário do Sul. O nível baixíssimo do rio faz com que onde existia uma abundância de água, hoje seja reduzida a um caminho curto e preocupante.

Em janeiro, a Prefeitura de Rosário do Sul emitiu um comunicado que alerta para o nível crítico tanto do Santa Maria (que também banha Dom Pedrito, mais ao sul) quanto do Ibicuí da Armada, inclusive pedindo aos moradores para desligarem as bombas de captação de água para irrigação durante parte do dia. 

O rio está 90 centímetros abaixo do nível normal e a cidade teve sua situação de emergência homologada pelo Governo do Estado recentemente. Com a seca, além da diminuição do leito dos rios, pontos de lixo despejado também aparecem. A esperança é que as chuvas previstas para este mês possam dar início a uma normalização da situação. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 03/02/2022 18h19
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.