Fumaça das queimadas na Argentina, aliada à queimadas na cidade, mudaram os céus da região (foto Marcelo Ribeiro/site Caderno7)

A fumaça das queimadas que atinge a província argentina de Corrientes, que fica na fronteira com o Brasil, chegou até os céus da Fronteira Oeste. Vários municípios percebem que o sol está opaco devido à espessa camada de fumaça, assim como algum cheiro de queimado. Em São Gabriel, os efeitos já são vistos desde esta segunda-feira (21), após a passagem das nuvens de chuva. 

A situação em Corrientes é crítica. O prefeito de São Borja, Eduardo Bonotto, formalizou pedido de ajuda aos governos federal e estadual para combater os incêndios florestais na Argentina, que já consumiram cerca de 800 mil hectares em Santo Tomé, que fica do outro lado do Rio Uruguai. Os efeitos do fogo já afetam São Borja, como a fuligem sobre casas e veículos, ardência nos olhos, qualidade do ar prejudicada, entre outros.

Os incêndios são tão impressionantes que à noite, as queimadas podem ser vistas do Centro de São Borja. Em São Gabriel, alguns focos de incêndio ainda ocorrem e os Bombeiros estão monitorando e dando prioridade para os que podem ser mais graves. A esperança é a vinda de chuvas que podem amenizar, que está sendo anunciada pelos institutos de meteorologia para esta semana. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 21/02/2022 12h53 
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Post a Comment

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.