Ministra da Agricultura, Teresa Cristina tem nome cotado para ser vice de Bolsonaro; mas pretensão dela é de concorrer ao Senado por MS (foto Valter Campanato/Agência Brasil)

O presidente da República, Jair Bolsonaro (PL), ainda não abre o jogo sobre quem pode ser seu vice nas eleições deste ano. Mas segundo a colunista Bela Megale, de O Globo, dois nomes de ministros despontam: general Walter Braga Netto (Defesa) e Tereza Cristina (Agricultura), onde o nome da ministra vem crescendo nos últimos dias. Porém, ela teria afirmado em recentes encontros que sua prioridade seria concorrer ao Senado. 

O nome de Tereza Cristina vem angariando apoio até de boa parte da ala militar, que preferiria Braga Netto. Com a eventual escolha de Braga Netto para ser vice, Bolsonaro abriria mão do lastro político. Por outro lado, a opção é vista como um “seguro impeachment” para o presidente, ou seja, haveria a certeza de que o general não atuaria para ocupar a cadeira de presidente. Acontece que tanto militares quanto a classe política veem Tereza Cristina como uma figura mais agregadora e de diálogo, além de ser uma mulher em um posto chave para Bolsonaro.

O presidente quer alguém em quem possa confiar e ter a certeza de que, em uma eventual crise, seu vice não trabalharia para tirá-lo da cadeira. Aliados de primeira ordem de Bolsonaro tentam convencê-lo de que a ministra seria o nome da classe política que mais se encaixaria no perfil. 

A ministra tem a simpatia do mais novo aliado de Bolsonaro, o presidente do PL, Valdemar Costa Neto. Por outro lado, de acordo com o site Metrópoles, a ministra tem garantido que a prioridade é disputar o Senado por Mato Grosso do Sul pelo Democratas (futuro União Brasil). 

Reportagem: Marcelo Ribeiro, com informações do O Globo e Metrópoles
Data: 17/01/2022 10h38
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Post a Comment

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.