Se a pandemia te atrapalhou, o REFIS te regulariza! Prefeitura de São Gabriel

Assine New Life Fibra - fibra óptica de qualidade para você!

Bariani Estética Automotiva - em novo endereço

www.peruzzo.com.br - Acesse, compre e receba em casa!

Painéis Solares A Elétrica - Energia Solar em até 120x

Urbano 60 anos - Parte da família da gente!

Faça seu cartão Cauzzo e tenha os melhores profissionais para sua saúde

Sicredi-Faz-Mais-setembro.gif

Use Odontologia em São Gabriel - saúde bucal para você e sua família

Anúncio Dra Ana Paula Ross

29 setembro 2021

Dentista gabrielense morre aos 100 anos em Porto Alegre

Dentista gabrielense Egídio Camargo faleceu no último dia 20 de setembro, aos 100 anos, deixando um legado familiar e profissional (foto reprodução/ZH)

O cirurgião-dentista gabrielense Egídio de Souza Camargo morreu no último dia 20 de setembro, aos 100 anos. Ele estava internado no Hospital Ernesto Dornelles e seu falecimento foi noticiado nesta quarta-feira (29) pela Zero Hora, na seção de Obituário e deixou um legado profissional e familiar, conforme informaram os familiares.

Ele nasceu em São Gabriel, mas mudou-se para capital cedo, onde constituiu família e estabeleceu-se como profissional, onde durante 40 anos atuou na área odontológica. Do casamento com Sarita Munhoz Camargo, que durou 70 anos, teve os filhos Sérgio, Milton e Cláudio, além de oito netos e seis bisnetos.

Segundo o filho Cláudio, relatado no texto, "sentia-se feliz ao imaginar que seu legado deverá chegar ao século 22 por meio das próximas gerações" e que fez do seu consultório, que foi situado na Avenida Assis Brasil, nº 61, sua segunda casa. O filho Milton salientou que era um "verdadeiro sacerdócio" o que ele fazia. Cuidou de várias gerações e atendia de segunda à sexta, além das emergências no final de semana. Tamanha dedicação era reconhecida pelos seus pacientes nas ruas do Bairro Jardim Lindóia, onde morava.

Era torcedor do Grêmio desde que o clube jogava na Baixada, transmitindo essa paixão para os descendentes, além de ser um leitor voraz enquanto a visão permitiu e buscava na literatura a inspiração para as mensagens que escrevia rotineiramente para familiares e amigos.

Na nota, a família agradeceu a dedicação de Nádia e Rosa, das cuidadoras Raquel, Rosângela e Amanda, além da gratidão ao médico Cyro Leães e à atenciosa equipe de enfermagem do 6º andar do Hospital Ernesto Dornelles. Mais um gabrielense que cumpriu sua missão na Terra em prol da saúde. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro, com informações de Zero Hora 
Data: 29/09/2021 12h16
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.