25 outubro 2020

Sem poder festejar data por causa da pandemia, Rádio São Gabriel completa 71 anos

Rádio São Gabriel completou neste domingo 71 anos de fundação, sem poder comemorar como de costume por causa da pandemia, mas fica para o ano que vem (foto arquivo C7)

Sem poder festejar devido à pandemia de covid-19, a Rádio São Gabriel completou neste domingo, 25 de outubro, 71 anos de fundação. A emissora, que está situada na Avenida Mascarenhas de Morais, está se preparando para uma migração futura para o FM. Devido ao coronavírus, a emissora não pode fazer os tradicionais eventos com shows, que é o caso do "Aquarela da Alegria", o que deverá ficar para 2021. Mesmo assim, a data é importante e precisa ser lembrada.

A emissora foi fundada em 25 de outubro de 1949, conhecida como ZYO-2, na frequência de 580 Klc (hoje Khz), e teve seus primeiros estúdios na Rua General Mallet com Mascarenhas de Moraes (próximo onde hoje é o Brasil Tênis Clube), com sua antena na Praça Camilo Mércio.

Tendo uma antena dipolo de meia onda com 250w, tinha uma ótima recepção na Fronteira Oeste, principalmente nos rádios valvulados da época. Em 1960, a primeira grande mudança: sua sede é transferida para o Edifício Centenário (atual Câmara de Vereadores), onde por muitos anos ali permaneceu. A rádio também recebeu uma nova aparelhagem, e as antenas foram transferidas para o Bairro Independência, onde estão até hoje, garantindo uma maior recepção do sinal da emissora.

Mais tarde, a rádio viria para a atual sede, na Avenida Mascarenhas de Moraes. Ela já fez parte de várias redes, como as Emissoras Reunidas, de Arnaldo Ballvé, Rádio Líder - onde por anos, irradiou programação 24h, com a Líder FM de São Paulo - e hoje, pertence a Rede Tchê de Comunicação.

Pela emissora, passaram nomes como Joel Lucas Moreira, Renato Batista, Zenon Figueiró Martins, Carlos Alberto Moreira, Juscelino Medeiros, Luis Fares, Luiz Alberto Vargas, Ataíde Ferreira, Wilmar Castro, Abel Lopes, Érico Silva, Glauco Fernando Vezzani, Elta Obaldia, Evaristo de Oliveira, Dagoberto Focaccia, Antônio Paulo de Oliveira e um grande nome do rádio gaúcho, que foi Celestino Valenzuela, que começou na emissora nos anos 50 quando sofreu uma lesão no futebol. A rádio, dirigida hoje por Carlos Conrad, conta com uma equipe qualificada com profissionais como Amir Giovani Semhan, Josiel Bérgamo, Lucas Caon, Renato Freitas (Caco), Joãomar da Silveira, Devanir Freitas, entre outros.

A abrangência da rádio chega à Caçapava do Sul, Cacequi, Cachoeira do Sul, Dom Pedrito, Formigueiro, Jaguari, Lavras do Sul, Mata, Restinga Seca, Rosário do Sul, Santa Margarida do Sul, Santa Maria, Santana do Livramento, Santiago, São Sepé, São Vicente do Sul, Vila Nova do Sul, além da matriz, São Gabriel.

Data: 25/10/2020 21h16
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui, mas deixamos claro uma coisa. Não vamos tolerar bandalheiras e bagunça no blog, por que somos favoráveis ao debate, mas com respeito e educação:
- Identifique-se na hora de postar o comentário;
- Ofensas e xingamentos contra outras pessoas ou à direção do blog, não serão tolerados, além de ser passíveis de ações judiciais, com identificação dos responsáveis;
- Ao escrever, pense que o blog é seu. E que você pode ser acionado judicialmente pelos comentários;
- Não "ponha palavras" na boca dos outros, por que não vai passar;
- Quer deixar endereços web, use o cadastro na hora de comentar;
- CAIXA ALTA, erros de português ou outros semelhantes, nem pensar! Aqui não é local de gente que não está preparada para dar opinião, muito menos bagunceiros ou arruaceiros.
- O comentário tem que ser relacionado a postagem, do contrário, não será considerado.
- Denúncias de qualquer natureza, tem que ser feitas diretamente às autoridades, com a Brigada Militar pelo 190 e a Polícia Civil pelo 3232-6166.