23 janeiro 2020

Polícia cumpre mandados judiciais de caso de casal de assentados assassinado

Operação policial cumpriu mandados na investigação de morte de casal de assentados e teve três prisões nesta quinta-feira, em São Gabriel (foto Polícia Civil/divulgação)
Uma operação policial entre a Polícia Civil e a Brigada Militar cumpriu uma série de mandados judiciais na manhã desta quinta-feira, 23 de janeiro, relativo ao caso do duplo homicídio do casal Vicente da Cunha Soares e Graziela Correa Vicente, encontrados mortos em um curso d'água na divisa de São Gabriel e Santa Maria no final do ano passado. Três pessoas foram presas, sendo que duas delas foram em caráter preventivo referente à investigação.



Nos mandados de busca e apreensão, armas de fogo foram apreendias e um dos investigados foi preso por posse irregular de uma garrucha e uma espingarda. O caso continua em investigação, mas o Delegado José Soares Bastos informou as causas das mortes das vítimas, obtidas por laudos: Graziela morreu de traumatismo craniano e asfixia por esgorjamento (lesão produzida por instrumento cortante no pescoço, de forma que asfixiou a vítima por possível sangramento) e Vicente, traumatismo craniano por disparo de arma de fogo. Ele ainda estava com as mãos amarradas e indicativos de ter sido torturado.

A motivação do crime, segundo apurado, por ter origem em desavenças, atritos e ameaças entre vizinhos decorrentes de furtos e arrombamentos de casas.


* Devido à nova Lei de Abuso de Autoridade, as identidades dos detidos não foram divulgadas.

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 23/01/2020 15h24
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui, mas deixamos claro uma coisa. Não vamos tolerar bandalheiras e bagunça no blog, por que somos favoráveis ao debate, mas com respeito e educação:
- Identifique-se na hora de postar o comentário;
- Ofensas e xingamentos contra outras pessoas ou à direção do blog, não serão tolerados, além de ser passíveis de ações judiciais, com identificação dos responsáveis;
- Ao escrever, pense que o blog é seu. E que você pode ser acionado judicialmente pelos comentários;
- Não "ponha palavras" na boca dos outros, por que não vai passar;
- Quer deixar endereços web, use o cadastro na hora de comentar;
- CAIXA ALTA, erros de português ou outros semelhantes, nem pensar! Aqui não é local de gente que não está preparada para dar opinião, muito menos bagunceiros ou arruaceiros.
- O comentário tem que ser relacionado a postagem, do contrário, não será considerado.
- Denúncias de qualquer natureza, tem que ser feitas diretamente às autoridades, com a Brigada Militar pelo 190 e a Polícia Civil pelo 3232-6166.