Caderno7 - O site de notícias da Metade Sul: Câmara de Vereadores retira projeto de regulamentação de apps de transporte de pauta

Para matar sua fome, pede uma Baita Pizza em São Gabriel! Clique aqui e saiba mais!

Participe da promoção "De Malas Prontas" da Dismabe Superauto e ganhe um vale-viagem!

Conheça o novo endereço da Pohlmann Móveis em Madeira e Decoração

11-03-2020 - Pink Panther Night

07-03-2020 1º Baile do Chopp em São Gabriel

22-02-2020 Prestigie o Carnaval da Despertar, na Seven! Baile com Tudo di Bom. Clique aqui para mais info

Se inscreva no Vestibular de Verão da Urcamp - provas com agendamento diário

Hospede-se na Rede de Hotéis Suárez, um hotel sempre perto de você! CLIQUE AQUI PRA FAZER SUA RESERVA

Conheça a Use Odontologia, agora em São Gabriel

Matricule-se no Fisk e ganhe um presente!

Garupa São Gabriel - Tá aqui do lado

Urbano 60 anos - Parte da família da gente!

Jogue Limpo Com a Sua Cidade - Prefeitura de São Gabriel

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Aqui na cooperativa dividimos os resultados - Vem para Sicredi Pampa Gaúcho

Studio H de Mana, em novo endereço

Câmara de Vereadores retira projeto de regulamentação de apps de transporte de pauta

Motoristas de aplicativos de transporte acompanharam sessão extraordinária na manhã de hoje; a pedido deles, Legislativo retirou de pauta o projeto, porque categoria alega não ter sido consultada a respeito da iniciativa
A Câmara de Vereadores de São Gabriel retirou de pauta na manhã desta segunda-feira, 27 de janeiro, o Projeto de Lei nº 9/2020, que visa implantar a regulamentação do serviço de transporte motorizado privado por aplicativos (apps de transporte) em São Gabriel. O pedido, segundo o Presidente da Casa Legislativa, Marcos Vieira (PSDB), visa obter um encontro dos representantes da categoria em São Gabriel com o Prefeito Rossano Gonçalves, sob a alegação de não terem sido consultados e nem ouvidos quanto a elaboração do mesmo.



O projeto regulamenta a operação dos motoristas de aplicativos em São Gabriel, normatizando seu funcionamento e licenciamento. A responsabilidade sobre a concessão será de responsabilidade da Secretaria Municipal de Segurança e Cidadania, que ainda não tem titular nomeado. Segundo o Projeto, está previsto o recolhimento de uma taxa mensal de fiscalização, correspondente a 20 VRMs.

O projeto ainda prevê monitoramento do trajeto em tempo real e avaliação da qualidade do serviço pelos usuários, além de proibir o embarque de usuários fora dos aplicativos e também de pontos de táxi. Além disso, os motoristas terão que ter carteira de licença individual emitida pelo Órgão Municipal Executivo de Transito - OMETRAN e não ter antecedentes criminais.


Os motoristas dos aplicativos existentes em São Gabriel estiveram presentes à sessão para pedir que os vereadores retirassem de pauta, visto que o projeto não teria sido debatido com a categoria, presente no município com aplicativos como Garupa, Uber e Colabora Mobi. O Executivo justifica com o projeto, regulamentar o setor porque é uma nova realidade e impedir os clandestinos de operar no município. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 27/01/2020 18h18
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: