Se a pandemia te atrapalhou, o REFIS te regulariza! Prefeitura de São Gabriel

Bariani Estética Automotiva - em novo endereço

www.peruzzo.com.br - Acesse, compre e receba em casa!

Painéis Solares A Elétrica - Energia Solar em até 120x

Urbano 60 anos - Parte da família da gente!

Clínica Imuniza - Muito mais do que vacinar, cuidar do seu bem estar - CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS

Faça seu cartão Cauzzo e tenha os melhores profissionais para sua saúde

Sicredi-Faz-Mais-setembro.gif

Use Odontologia em São Gabriel - saúde bucal para você e sua família

Anúncio Dra Ana Paula Ross

27 janeiro 2020

Câmara de Vereadores retira projeto de regulamentação de apps de transporte de pauta

Motoristas de aplicativos de transporte acompanharam sessão extraordinária na manhã de hoje; a pedido deles, Legislativo retirou de pauta o projeto, porque categoria alega não ter sido consultada a respeito da iniciativa
A Câmara de Vereadores de São Gabriel retirou de pauta na manhã desta segunda-feira, 27 de janeiro, o Projeto de Lei nº 9/2020, que visa implantar a regulamentação do serviço de transporte motorizado privado por aplicativos (apps de transporte) em São Gabriel. O pedido, segundo o Presidente da Casa Legislativa, Marcos Vieira (PSDB), visa obter um encontro dos representantes da categoria em São Gabriel com o Prefeito Rossano Gonçalves, sob a alegação de não terem sido consultados e nem ouvidos quanto a elaboração do mesmo.



O projeto regulamenta a operação dos motoristas de aplicativos em São Gabriel, normatizando seu funcionamento e licenciamento. A responsabilidade sobre a concessão será de responsabilidade da Secretaria Municipal de Segurança e Cidadania, que ainda não tem titular nomeado. Segundo o Projeto, está previsto o recolhimento de uma taxa mensal de fiscalização, correspondente a 20 VRMs.

O projeto ainda prevê monitoramento do trajeto em tempo real e avaliação da qualidade do serviço pelos usuários, além de proibir o embarque de usuários fora dos aplicativos e também de pontos de táxi. Além disso, os motoristas terão que ter carteira de licença individual emitida pelo Órgão Municipal Executivo de Transito - OMETRAN e não ter antecedentes criminais.


Os motoristas dos aplicativos existentes em São Gabriel estiveram presentes à sessão para pedir que os vereadores retirassem de pauta, visto que o projeto não teria sido debatido com a categoria, presente no município com aplicativos como Garupa, Uber e Colabora Mobi. O Executivo justifica com o projeto, regulamentar o setor porque é uma nova realidade e impedir os clandestinos de operar no município. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 27/01/2020 18h18
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.