12 dezembro 2019

Neurocirurgião da Cauzzo realiza atualização nos Estados Unidos

Médico neurocirurgião Caio Mendonça, que atende na Cauzzo, falou sobre curso de atualização sobre dores lombares e cirurgias realizado em Miami, nos Estados Unidos
A Cauzzo São Gabriel sempre tem profissionais atualizados, sempre atentos às novidades do ramo médico. Um deles foi o médico neurocirurgião Caio Mendonça, que atende mensalmente na filial de São Gabriel e que realizou um curso na cidade de Miami, nos Estados Unidos, com o tema "Técnicas Cirúrgicas para Coluna Vertebral e Processos Intervencionistas para solução de dores", onde novas técnicas menos invasivas de cirurgias foram demonstradas e o médico conversou com a reportagem do site para falar do assunto.



Caio, que atende em São Gabriel e Santa Maria, destacou que os principais assuntos do curso foram sobre os tratamentos para a dor crônica, principalmente cefaléias e lombalgia, onde se enquadram dores como ciáticas e hérnias de disco, entre outras. O médico salienta que a prioridade tem sido por buscar técnicas que façam operações menos invasivas com o uso de cortes mais reduzidos, permitindo uma recuperação rápida e menos traumática do paciente. "A dor crônica é comum à nossa prática médica, onde buscamos um alívio do sofrimento que os pacientes tem por conta destas mesmas. Este curso nos aperfeiçoou sobre técnicas cirúrgicas inovadoras que fazem menos cortes, menos invasivas, minimizando assim os efeitos da cirurgia e o pós-operatório destes pacientes", explicando que técnicas como endoscopia estão sendo utilizadas e devem chegar em breve ao Brasil.

O objetivo do curso foi ensinar aos profissionais estas novas técnicas aperfeiçoadas para cirurgia de coluna, onde segundo o médico, as técnicas atuais são inevitáveis para corrigir traumas de coluna mas consideradas "agressivas". "A própria cirurgia não tem como evitar para resolver traumas de coluna, mas é muito agressiva, com necessidade de afastamento de músculos. Estas novas técnicas realizam incisões menores, como microcirurgias de hérnia discal, afastando minimamente a musculatura e permitindo um pós-operatório mais rápido, permitindo que a pessoa retome suas atividades em breve", asseverou.

Outras técnicas foram apresentadas, como endoscopia e procedimentos percutâneos para cirurgia de coluna. "Sabemos que ainda não é acessível no País, mas em breve poderemos ter estas técnicas chegando por aqui. Mas é bom porque agrega conhecimento ao nosso trabalho", comenta. O médico acrescenta que é possível prevenir estas dores lombares e cefaléia com mudanças de hábitos. "Se deve evitar o sobrepeso, que é uma das principais causas de dores lombares, ter atividades físicas regulares e evitar o tabagismo, que é um dos fatores que prejudica a circulação e uma recuperação cirúrgica eficaz", finalizando que está à disposição na Cauzzo São Gabriel ou na Clínica Neurológica Caio Mendonça, em Santa Maria.


A Cauzzo fica na Júlio de Castilhos, 39, e o telefone para mais informações é (55) 3232-6967.

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 12/12/2019 10h28
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui, mas deixamos claro uma coisa. Não vamos tolerar bandalheiras e bagunça no blog, por que somos favoráveis ao debate, mas com respeito e educação:
- Identifique-se na hora de postar o comentário;
- Ofensas e xingamentos contra outras pessoas ou à direção do blog, não serão tolerados, além de ser passíveis de ações judiciais, com identificação dos responsáveis;
- Ao escrever, pense que o blog é seu. E que você pode ser acionado judicialmente pelos comentários;
- Não "ponha palavras" na boca dos outros, por que não vai passar;
- Quer deixar endereços web, use o cadastro na hora de comentar;
- CAIXA ALTA, erros de português ou outros semelhantes, nem pensar! Aqui não é local de gente que não está preparada para dar opinião, muito menos bagunceiros ou arruaceiros.
- O comentário tem que ser relacionado a postagem, do contrário, não será considerado.
- Denúncias de qualquer natureza, tem que ser feitas diretamente às autoridades, com a Brigada Militar pelo 190 e a Polícia Civil pelo 3232-6166.