Caderno7 - O site de notícias da Metade Sul: Governo gaúcho recua e IPVA 2020 volta a ser parcelado

2ª Turma do Curso Preparatório para Vila Nova do Sul com a Aurora Cursos, clique aqui para saber mais

Dias 31/01, 1º e 2/02 - 2ª Festa da Cordeira e 1º Cordeiraço da Canção Nativa em Santa Margarida do Sul - prestigie!

Dia 1º de fevereiro, 9º Baile de Integração das Comunidades do Interior, nas Pontas do Salso

22-02-2020 Prestigie o Carnaval da Despertar, na Seven! Baile com Tudo di Bom. Clique aqui para mais info

Se inscreva no Vestibular de Verão da Urcamp - provas com agendamento diário

Dotto Advocacia - Cível, criminal, trabalhista, trânsito - clique aqui para entrar no site

Hospede-se na Rede de Hotéis Suárez, um hotel sempre perto de você! CLIQUE AQUI PRA FAZER SUA RESERVA

Conheça a Use Odontologia, agora em São Gabriel

Matricule-se no Fisk e ganhe um presente!

Garupa São Gabriel - Tá aqui do lado

Pague o IPTU 2020 em São Gabriel e tenha descontos até 10 de fevereiro!

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Inscreva-se no Valor S do Sicredi Pampa Gaúcho

Dra. Namiriane Müller Leal - Cirurgiã-dentista

Dra. Marcele Camponogara - Odontologia e Estética

Studio H de Mana, venha conhecer

Governo gaúcho recua e IPVA 2020 volta a ser parcelado

Após pressões e críticas, Governo Leite recua e mantém cobrança de IPVA como antes para 2020 (foto arquivo C7)
Com informações de GaúchaZH

Não durou 24h a decisão de cobrar o IPVA 2020 em período único. O Governador do Estado, Eduardo Leite, voltou atrás na decisão de cobrança do imposto em um período único, e este pode ser pago novamente de forma parcelada, mantendo o mesmo formato aplicado pela Secretaria da Fazenda em 2019. A informação foi comunicada em reunião com deputados da base aliada na manhã desta terça-feira (5) no Palácio Piratini.



Conforme relatos de participantes, os aliados chegaram no local do encontro demonstrando insatisfação com as medidas do governo que haviam sido anunciadas sem comunicação prévia à base, turbinadas pela insatisfação expressa pelos gaúchos nas redes sociais. "Falhei pessoalmente ao observar a repercussão política que teria uma medida como essa", disse o governador Leite. A pressão foi avassaladora e o Governo teve de recuar.


Pesou para a decisão a repercussão negativa entre diferentes setores, desde o comércio até os contribuintes, incluindo o descontentamento de partidos aliados por não terem sido consultados sobre a definição sobre o pagamento em cota única. Setores da economia gaúcha afirmaram que a antecipação do calendário de pagamento traria um impacto negativo nas vendas de final de ano, visto que os gaúchos teriam que deixar de comprar para reunir dinheiro para pagar o IPVA. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 05/11/2019 09h56 
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: