Se a pandemia te atrapalhou, o REFIS te regulariza! Prefeitura de São Gabriel

Assine New Life Fibra - fibra óptica de qualidade para você!

Bariani Estética Automotiva - em novo endereço

www.peruzzo.com.br - Acesse, compre e receba em casa!

Painéis Solares A Elétrica - Energia Solar em até 120x

Urbano 60 anos - Parte da família da gente!

Faça seu cartão Cauzzo e tenha os melhores profissionais para sua saúde

Sicredi-Faz-Mais-setembro.gif

Use Odontologia em São Gabriel - saúde bucal para você e sua família

Anúncio Dra Ana Paula Ross

04 novembro 2019

Defesa Civil drena pequena barragem em assentamento no interior de São Gabriel

Defesa Civil age para reparar barramento de água em assentamento no sul do município e monitora situação; mas informação acabou sendo distorcida e muitos acharam que problema era na VAC-4, o que não procede (foto divulgação Defesa Civil)
Confusão de informações gerou boatos e apreensão entre gabrielenses

Uma informação veiculada em rede estadual gerou boatos, foi mal-interpretada e deu margem a "fake news" agora à noite em São Gabriel. A notícia é de que a Defesa Civil está atuando para impedir a queda de um talude em um barramento no assentamento Conquista do Caiboaté, no interior do município, com drenagem na água. Acontece que a notícia foi mal-interpretada e deu origem a boatos infundados onde tanto a Prefeitura quanto o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) tiveram de emitir notas de esclarecimento para tranquilizar a população.



Boatos confundiram esta barragem com a VAC-4, gerando apreensão na comunidade após a reportagem ter sido veiculada pela RBS TV. A "barragem" em questão é, na verdade, um barramento de pequeno porte, utilizado para lavoura de arroz, na Comunidade 01 do Assentamento, e não se confunde com a barragem VAC 4, que é lindeira ao mesmo assentamento e abastece a zona urbana do município, administrada por um consórcio privado que presta contas ao Governo do Estado. O barramento é que teve a taipa erodida por conta das chuvas e que passou por drenagem de águas para ser reparado. A reportagem não estava incorreta, mas a interpretação foi equivocada por parte de alguns, que "espalharam fake news".


Tanto a Prefeitura quanto o Incra emitiram notas informando que a barragem que teve a taipa parcialmente avariada não e nunca foi a VAC-4, mas uma barragem menor e que não traz perigos ao município. Comentários vinculados em redes sociais sobre um suposto rompimento da VAC-4, não passam de boatos. Para "turbinar" os boatos e fake news, uma notícia da Secretaria Estadual do Meio Ambiente misturou fotos e informações de outras barragens, colaborando para o desencontro de informações. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 04/11/2019 23h11
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.