15 maio 2019

CPERS reúne professores e estudantes para protestar pela educação

Caminhada luminosa do CPERS teve reforço de estudantes da Unipampa, que protestaram contra o contingenciamento de recursos na educação nacional, no começo da noite desta quarta em São Gabriel
No começo da noite desta quarta-feira, 15 de maio, o 41º Núcleo do CPERS/Sindicato reuniu professores e alunos de escolas públicas e também da Universidade Federal do Pampa (Unipampa), Campus São Gabriel, para realizar uma passeata luminosa contra os cortes na educação e a Reforma da Previdência, que segundo as entidades sindicais, ameaça direitos dos trabalhadores.



Presidente do 41º Núcleo, professor Pedro Moreira, chamou a atenção para os prejuízos causados aos brasileiros com a reforma da Previdência e os cortes nos investimentos na educação

Caminhada percorreu a rua Duque de Caxias e foi até a Praça Fernando Abbott
A caminhada teve saída da Praça Tunuca Silveira e subiu a Rua Duque de Caxias até circundar a Praça Fernando Abbott. Além de professores e alunos das escolas estaduais, o manifesto foi encorpado por acadêmicos da Unipampa, que protestaram muito contra os cortes na educação promovidos pelo Governo Bolsonaro - que alega contingenciamento em todas as áreas.


Estudantes também protestaram contra o Governo de Jair Bolsonaro, a exemplo das demais manifestações pelo país nesta quarta-feira
"Queremos chamar a atenção de todos para os males e prejuízos que esta reforma causará aos brasileiros, com perda de direitos bem como os cortes nos investimentos da educação básica e superior", afirmou o presidente do Núcleo, professor Pedro Moacir Moreira. O CPERS participou das mobilizações da Greve Geral da Educação nesta quarta. Os manifestantes receberam ao mesmo tempo apoio da população e críticas de simpatizantes do Governo Bolsonaro. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 15/05/2019 22h08
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui, mas deixamos claro uma coisa. Não vamos tolerar bandalheiras e bagunça no blog, por que somos favoráveis ao debate, mas com respeito e educação:
- Identifique-se na hora de postar o comentário;
- Ofensas e xingamentos contra outras pessoas ou à direção do blog, não serão tolerados, além de ser passíveis de ações judiciais, com identificação dos responsáveis;
- Ao escrever, pense que o blog é seu. E que você pode ser acionado judicialmente pelos comentários;
- Não "ponha palavras" na boca dos outros, por que não vai passar;
- Quer deixar endereços web, use o cadastro na hora de comentar;
- CAIXA ALTA, erros de português ou outros semelhantes, nem pensar! Aqui não é local de gente que não está preparada para dar opinião, muito menos bagunceiros ou arruaceiros.
- O comentário tem que ser relacionado a postagem, do contrário, não será considerado.
- Denúncias de qualquer natureza, tem que ser feitas diretamente às autoridades, com a Brigada Militar pelo 190 e a Polícia Civil pelo 3232-6166.