18 março 2019

Mães gabrielenses relatam "invasão" de Momo em vídeos infantis

Problema que surgiu no Youtube faz personagem Momo surgir e induzir crianças a atentar contra a própria vida. Para não incentivar este tipo de coisa, não mostraremos imagens (foto reprodução Youtube)
Um problema que surgiu no serviço Youtube Kids, voltado à crianças foi confirmado por mães em São Gabriel. Imagens da Momo, uma personagem sinistra criada por hackers para induzir crianças e jovens a atentarem contra sua vida, foram introduzidas em vídeos infantis desde a última sexta-feira, 15 de março, inclusive em canais conhecidos. Leitoras do site confirmaram que seus filhos relataram ter visto este sinistro personagem.



A personagem, criada a partir de uma escultura de um artista plástico japonês, tem olhos esbugalhados, pele pálida e sorriso sinistro e ficou conhecida depois que um vídeo chamado “Desafio Momo” viralizou na internet no ano passado. Esse desafio envolvia roubo de informações pessoais, incitação ao suicídio e extorsão. O que se relata atualmente é que nestes vídeos, a tal Momo induz as crianças a fazer práticas contra a própria vida, como se cortar, por exemplo.

Várias leitoras do site confirmaram que seus filhos viram os vídeos, inclusive em Youtubers que tiveram vídeos hackeados. "Eles viram, inclusive nos vídeos do Lucas Neto! Ele tirou do ar os vídeos que foram duplicados pelos hackers", disse uma leitora. "Minha filha relatou de ter visto no vídeo do Lucas Neto... Que o vídeo era muito assustador que o patinete andava sozinho e que do nada Momo apareceu sentada na sala olhando eles", relata outra leitora.

Na tarde desta segunda-feira, 18 de março, o Ministério Público da Bahia notificou o Google e o Whatsapp para que retirem das redes sociais qualquer conteúdo que exiba a imagem de "Momo". Aos pais, tomem cuidado com o que seus filhos estiverem vendo na internet ou nos celulares e procure se aproximar mais dos seus filhos. Se possível, denuncie os vídeos por meio das opções da plataforma - sempre tem um item de "denunciar conteúdo" disponível nas opções. Fica o alerta.  

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 18/03/2019 18h39
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui, mas deixamos claro uma coisa. Não vamos tolerar bandalheiras e bagunça no blog, por que somos favoráveis ao debate, mas com respeito e educação:
- Identifique-se na hora de postar o comentário;
- Ofensas e xingamentos contra outras pessoas ou à direção do blog, não serão tolerados, além de ser passíveis de ações judiciais, com identificação dos responsáveis;
- Ao escrever, pense que o blog é seu. E que você pode ser acionado judicialmente pelos comentários;
- Não "ponha palavras" na boca dos outros, por que não vai passar;
- Quer deixar endereços web, use o cadastro na hora de comentar;
- CAIXA ALTA, erros de português ou outros semelhantes, nem pensar! Aqui não é local de gente que não está preparada para dar opinião, muito menos bagunceiros ou arruaceiros.
- O comentário tem que ser relacionado a postagem, do contrário, não será considerado.
- Denúncias de qualquer natureza, tem que ser feitas diretamente às autoridades, com a Brigada Militar pelo 190 e a Polícia Civil pelo 3232-6166.