Caderno7 - O site de notícias da Metade Sul: Liberação de FGTS para atingidos da enchente está em análise pela Caixa

Acompanhe nossa cobertura sobre a guerra ao coronavírus

Para matar sua fome, pede uma Baita Pizza em São Gabriel! Clique aqui e saiba mais!

Supermercado Bromberger - O gigante dos preços baixos em São Gabriel!

Participe da promoção "De Malas Prontas" da Dismabe Superauto e ganhe um vale-viagem!

Colégio Perpétuo Socorro contra o coronavírus

Conheça o novo endereço da Pohlmann Móveis em Madeira e Decoração

Se inscreva no Vestibular de Verão da Urcamp - provas com agendamento diário

Hospede-se na Rede de Hotéis Suárez, um hotel sempre perto de você! CLIQUE AQUI PRA FAZER SUA RESERVA

Conheça a Use Odontologia, agora em São Gabriel

Matricule-se no Fisk e ganhe um presente!

Urbano 60 anos - Parte da família da gente!

Previna-se contra o novo coronavírus - Prefeitura de São Gabriel

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Se proteja do Coronavírus com as dicas do Sicredi

Studio H de Mana, em novo endereço

Liberação de FGTS para atingidos da enchente está em análise pela Caixa

Recursos do FGTS para atingidos de enchentes dependem agora de análise da Caixa; Prefeitura enviou toda a documentação pedida, que poderá levar quinze dias para recurso ser liberado, se não houverem correções a serem feitas (foto arquivo C7)
A liberação dos recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) para os atingidos das enchentes que afetaram São Gabriel no início do ano depende agora da própria Caixa Econômica Federal. A informação é do Secretário de Obras Ricardo Júnior, que afirmou que toda a documentação exigida pelo banco foi entregue há cerca de quatro dias.



O Secretário conversou com a reportagem nesta sexta-feira, para responder aos questionamentos endereçados pelos leitores à redação sobre o andamento deste pleito que permitirá a liberação destes recursos. Ricardo salientou que toda a documentação está em análise pela Caixa e que agora, tudo depende deles.

"Encaminhamos todos os documentos como o Formulário de Informações do Desastre (FIDE), o Decreto de Emergência, informações dos perímetros de risco e os mapas do município, e se não tiver de corrigir alguma informação, em até 15 dias eles liberam o recurso", explicando que há quatro dias, a documentação tinha sido entregue. Após a liberação dos recursos, cada pessoa atingida tem até 90 dias após o decreto de emergência para retirar os recursos, que são limitados em até R$ 6.420,00 por pessoa.

"A gente sabe que a comunidade está ansiosa por isso, mas assim que liberarem e temos certeza que dará certo, vamos avisar em todos os meios de comunicação sobre a disponibilização do recurso", finaliza o Secretário. Muitas pessoas que tiveram residências atingidas pela enchente estão à espera do recurso e esta informação representa um alívio neste momento.

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 15/02/2019 15h25 
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: