Vem aí o Black Friday da Grazziotin

Vem para o 2º Trilhão de São Gabriel - 24 e 25 de novembro

A partir de segunda-feira, 12 de novembro, LaborCito com filial!

Colégio Perpétuo Socorro - matrículas abertas a partir de 19 de novembro

Vem pro Cortinaço da Tottal Casa & Conforto

Vestibular de Verão da Urcamp - CLIQUE AQUI PARA FAZER SUA INSCRIÇÃO

Invista no primeiro shopping center de São Gabriel

Vestibular EAD da Unopar, provas agendadas, inscreva-se já

Colabore para uma cidade limpa - Jogue Limpo com a sua Cidade

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Anúncio Sicredi novo

Oficina de Costura

Rádio RBC FM - A emissora da comunidade

Chega de pagar caro na sua conta de luz. Ecotec Energy

Congrega Urcamp e Feira das Profissões começam segunda-feira


Pelo segundo ano consecutivo, os dois maiores eventos da Urcamp serão realizados juntos, de forma concomitante. A ideia é reunir, de 22 a 26 de outubro, trabalhos de pesquisa de alunos e professores e uma amostragem de cada curso oferecido pela Instituição. Tudo no mesmo espaço. O prédio central em Bagé está sendo preparado para receber as comunidades acadêmicas da região, do estado, do Brasil e até do exterior. A nova estrutura, com um ambiente moderno, inovador e tecnológico, vai encher os olhos dos visitantes que devem ocupar todos os espaços projetados dentro da Instituição.

No total, foram 913 trabalhos aprovados nas mais diferentes áreas da Pesquisa, da Ciência e Tecnologia, Inovação e Extensão. Dessa forma, o evento cumpre a função de promover um encontro multidisciplinar de vários níveis de ensino e áreas do conhecimento.

A Pró-reitora de Inovação, Pós-graduação, Pesquisa e Extensão da Urcamp, professora Elisabeth Drumm, que é a coordenadora geral do Congrega, reforça o caráter comunitário da Instituição. “Este ano nos propusemos a refletir sobre a educação global num contexto regional. Nesse processo, trazemos o desenvolvimento, por meio da pesquisa, como componente para alterar os problemas e a nossa realidade social”, justifica.

O tema desse ano é “Educação e Desenvolvimento Regional”, uma referência a importância dos agentes de transformação e inovação na relação com o crescimento econômico, social e cultural das regiões onde a Urcamp mantém ações de interação comunitária.

Desde sua criação, o Congrega Urcamp tem cumprido com um importante papel, principalmente nas comunidades da campanha e fronteira oeste, onde está inserida, pois tornou-se uma das mais eficientes formas de atrair a atenção de professores, alunos, pesquisadores, agentes públicos e privados, na construção de projetos e estudos que visam a melhoria na qualidade de vida das pessoas. É neste evento, considerado o maior de conotação científica da metade sul, que esses personagens compartilham os principais desafios enfrentados pelas gestões municipais e dos setores produtivos e tecnológicos das regiões atendidas. A partir de suas propostas de investigação dos problemas, surgem soluções práticas e palpáveis no âmbito social, econômico, cultural para o desenvolvimento regional.

As Instituições de Ensino Superior confirmadas nessa edição são: Universidade Federal do Pampa (Unipampa), Universidade Federal do Rio Grande (FURG), Universidade Católica de Pelotas (UCPel), Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc), Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Universidade Federal do Ceará (UFC), Universidade do Alto do Rio do Peixe (Uniarp), Faculdade Ideau, Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM) e Universidad de La Republica (UY). Os Institutos também participam com a presença do Instituto Federal Sul-Rio-grandense (IFSul) e Instituto Federal Farroupilha.

Para a coordenadora Acadêmica do Congrega, professora Susi Barcelos e Lima, o evento desse ano acompanha as evoluções da Urcamp nos últimos meses. “Estou muito entusiasmada, a gente está sempre tentando melhorar de um ano pra outro, mas desta vez ele está muito mais integrador, inovador para acompanhar esse momento de transformações e mudanças que estão surgindo na nossa Instituição”, esclarece. Ela chama a atenção para os minicursos confirmados, que são quase 70 nas mais diferentes áreas de atuação, alguns deles serão oferecidos em duas edições pela grande procura que teve.

A Reitora Lia Quintana reforça que os dois eventos são direcionados a todos. “Toda a comunidade da região está convidada, independente de estar inscrita ou não, aqui formamos redes, estabelecemos parcerias, trocamos ideias e informações, aprendemos com as Instituições que nos visitam e apresentam trabalhos, então é um momento de congregar e compartilhar conhecimento”, conclui.

A solenidade de abertura do Congrega Urcamp e Feira das Profissões 2018 será as 18 horas do dia 22 de outubro, no central da Urcamp, onde haverá a palestra “Docência como criação x Docência Fest Food”, com a professora da Unisinos Laura Habckost Dalla Zen.

O Congrega Urcamp traz as seguintes atividades: 15a Jornada de Pós-Graduação e Pesquisa; 15a Mostra de Iniciação Científica; 13a Mostra de Projetos Comunitários e de Extensão; 13a Mostra de Iniciação Científica Jr; 2a Mostra de Trabalhos de Conclusão de Curso; Minicurso e 6a Feira das Profissões. Para falar sobre cada uma destas categorias, abriremos uma série de reportagens, trazendo, a cada dia, o Coordenador responsável para falar sobre a sua atividade. Nesta segunda-feira, o assunto será a 15a Jornada de Pós-Graduação e Pesquisa.

Feira das Profissões
Como em outros anos, a programação da feira é destinada, principalmente, aos alunos do Ensino Médio de toda a região. As visitações de escolas à Urcamp iniciam na terça-feira, 23 de outubro. Uma das novidades desta edição é que a maior parte dos estandes serão os próprios laboratórios dos cursos. Assim, o estudante terá como circular pela Instituição, conhecer setores, salas de Inovação e Tecnologia e entender como funcionam as graduações e cada área de atuação no mercado de trabalho.

As escolas da região receberam convite e algumas agendaram suas visitas, mas a feira estará abertas nos três turnos (manhã, tarde e noite), para atender quem não conseguiu marcar a visita com antecedência.

Além de conhecer os cursos e as profissões os estudantes visitantes poderão desenvolver e participar de uma série de atividades que integram a programação, como: palestras, oficinas, orientações, simulações de casos, atividades lúdicas, exposições, varal fotográfico, atividades artísticas e culturais, demonstrações e uma gincana.

A Pró-reitora de Ensino, professora Virgínia Dreux, a feira representa ampliar os horizontes sobre as escolhas de cada estudante. "É um momento importante pra Urcamp mostrar pra comunidade e os visitantes, os cursos que ela oferece, pra que conheçam a prática de cada graduação, pois cada um deles terá um espaço mostrando o dia a dia do curso, o que eles desenvolvem, além de poderem fazer também orientações vocacionais pra a escolha da profissão. Nesses dias os estudantes podem ainda ter acesso as novas estruturas, as transformações que a Urcamp vem passando que podem propiciar ensino, tecnologia e inovação para os futuros alunos que aqui vão estudar".

A programação completa pode ser conferida no site da Urcamp, no www.urcamp.edu.br. Durante a Feira das Profissões será lançado o novo Guia de Cursos da Instituição e a Campanha Oficial do Vestibular de Verão, que será realizado no dia 09 de dezembro de 2018.

Gincana irá integrar a programação da Feira das Profissões
Uma das novidades desse ano será a Gincana Memória Social da Diversidade de Profissões, que irá acontecer dentro da programação da Feira das Profissões, numa parceria entre o Museu Dom Diogo de Souza, Museu da Gravura Brasileira e Curso de História.

A ideia é envolver alunos e professores de todos os cursos, no sentido de construção de uma memória social da diversidade de profissões, através da exploração, da pesquisa, coleta e exposição de artefatos que representam ou representaram o trabalho na região. Materiais como: fotografias antigas, pipetas, réguas, plantas e moedas antigas, entre outros, farão parte da Gincana. Os artefatos serão solicitados pelos coordenadores de cada curso aos seus professores e alunos e poderão ser emprestados ou doados aos museus da Urcamp, que irão abrigar os objetos para uma exposição, posterior a feira.

A contagem e pontuação será feita de acordo com a relevância histórica de cada objeto e o número de peças será no máximo 10, por curso. A intenção é envolver também o Ensino Médio, onde haverá a solicitação de adoção ou empréstimo de artefatos durante a programação da Feira das Profissões. Nessa primeira edição foram três escolas convidadas: Escola Estadual Justino Quintana, Escola Bradesco e Colégio Espírito Santo. A que ficar com maior pontuação irá receber diploma com a menção honrosa “Amigos dos Museus FAT/Urcamp”.

Reportagem: Chrystian Ribeiro/Ascom Urcamp
Data: 18/10/2018 10h02 
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: