Caderno7 - O site de notícias da Metade Sul: Gabrielenses mais uma vez se destacam nas músicas do ano

Prestigie o 45º Remate da Cabanha Santa Maria, em 7 de outubro, durante a 85ª Expofeira de São Gabriel

Dia 6 de outubro - a festa mais colorida do ano em rosário do Sul - Glow in the Dark 2

Festejos Farroupilhas de São Gabriel - confira a programação

Dia 19 de setembro, Fandango Tradicional do CTG Tarumã - animação com Garotos de Ouro

Faça o seu UnimedCARD, menos de 30 centavos por dia!

Setembro, mês da bíblia - Colégio Perpétuo Socorro

Conheça a Use Odontologia, agora em São Gabriel

Faça inglês e espanhol no Fisk - matrículas abertas

Tchê Burger - Vai um tchê aí? Seu novo delivery de lanches em São Gabriel

Garupa São Gabriel - Tá aqui do lado

More com conforto no Hotel Obino de São Gabriel. Saiba mais!

Renegocie suas dívidas judiciais com a Prefeitura com o REFIS Judicial

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Máquina de cartões Sicredi - a máquina que vem com um parceiro de negócios

Dra. Namiriane Müller Leal - Cirurgiã-dentista

Dra. Marcele Camponogara - Odontologia e Estética

Studio H de Mana, venha conhecer

Gás Querência - promoção apenas 75 reais o botijão, no dinheiro

Gabrielenses mais uma vez se destacam nas músicas do ano

Composições defendidas por André Teixeira e Ita Cunha foram escolhidas as melhores músicas do ano nos "Destaques dos Festivais", promovido pelo comunicador Jairo Reis (fotos arquivo C7)
Na continuidade da premiação dos "Destaques dos Festivais" promovido pelo comunicador e produtor de eventos Jairo Reis, que apresenta o programa "Do Litoral à Fronteira" aos domingos na Rádio Bandeirantes AM de Porto Alegre, foi a vez de anunciar a Música do Ano, dentro desta premiação. E dois gabrielenses mais uma vez se destacaram.

A melhor música nativista do ano foi "O Silêncio e a Campereada", que teve autoria de Sérgio Carvalho Pereira, Ricardo Comassetto e do gabrielense André Teixeira, interpretada por Luiz Marenco e que venceu a 25ª Sapecada da Canção Nativa de Lages. Em segundo lugar, outro destaque gabrielense no nativismo, Ita Cunha, que interpretou a composição "Meu Verso Acordou Escrito", vencedora do 32º Ponche Verde da Canção Gaúcha de Dom Pedrito e que foi de autoria de Gujo Teixeira e Juliano Gomes.

As composições foram escolhidas entre as campeãs dos festivais realizados em 2017 e avaliadas por uma seleta comissão formada por Giovani Grizotti, Ibaldo Pedra, Jaime Ribeiro, Léo Ribeiro e Odilon Ramos, cinco conceituados profissionais, todos muito respeitados e com notória credibilidade no ambiente radiofônico, nativista e regional gaúcho.

A premiação será entregue em uma data a ser definida, juntamente com os demais destaques dos festivais. André Teixeira e Ita Cunha também serão premiados como autor com mais vitórias, autor com mais prêmios principais e intérprete com mais primeiros lugares dos festivais, reespectivamente. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 19/02/2018 09h26
Contato: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: