15 janeiro 2018

Acerto de contas pode ter sido motivo de assassinato de jovens

Jovens foram assassinados no final da tarde de domingo, no Bairro Gabrielense. Acerto de contas pode ter sido o motivo do crime (fotos arquivo pessoal)
Um acerto de contas pode ter sido o motivo do assassinato dos três jovens mortos na tarde de domingo (14) no Bairro Gabrielense. É a principal hipótese investigada pela Polícia Civil para o crime que resultou na morte dos irmãos Conrado, Maicon Soares e de Igor Rodrigues Soares em frente de casa, na RS-630.



Os três foram mortos por um homem que tripulava uma moto Fan 125, dirigida por outro elemento. Este desferiu três disparos, um em cada vítima e em seguida, fugiram do local. A equipe do Instituto Geral de Perícias chegou somente no final da noite de ontem.

Os corpos dos três estão no Instituto Médico Legal de Santa Maria, sem previsão de liberação. Uma resposta deverá ser dada ainda hoje à tarde. Os autores do crime ainda estão foragidos.

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 15/01/2018 10h08
Contato: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui, mas deixamos claro uma coisa. Não vamos tolerar bandalheiras e bagunça no blog, por que somos favoráveis ao debate, mas com respeito e educação:
- Identifique-se na hora de postar o comentário;
- Ofensas e xingamentos contra outras pessoas ou à direção do blog, não serão tolerados, além de ser passíveis de ações judiciais, com identificação dos responsáveis;
- Ao escrever, pense que o blog é seu. E que você pode ser acionado judicialmente pelos comentários;
- Não "ponha palavras" na boca dos outros, por que não vai passar;
- Quer deixar endereços web, use o cadastro na hora de comentar;
- CAIXA ALTA, erros de português ou outros semelhantes, nem pensar! Aqui não é local de gente que não está preparada para dar opinião, muito menos bagunceiros ou arruaceiros.
- O comentário tem que ser relacionado a postagem, do contrário, não será considerado.
- Denúncias de qualquer natureza, tem que ser feitas diretamente às autoridades, com a Brigada Militar pelo 190 e a Polícia Civil pelo 3232-6166.