Caderno7 - O site de notícias da Metade Sul: Preso na Serra suspeito da morte de jornalista bageense

Para matar sua fome, pede uma Baita Pizza em São Gabriel! Clique aqui e saiba mais!

Participe da promoção "De Malas Prontas" da Dismabe Superauto e ganhe um vale-viagem!

Conheça o novo endereço da Pohlmann Móveis em Madeira e Decoração

11-03-2020 - Pink Panther Night

07-03-2020 1º Baile do Chopp em São Gabriel

22-02-2020 Prestigie o Carnaval da Despertar, na Seven! Baile com Tudo di Bom. Clique aqui para mais info

Se inscreva no Vestibular de Verão da Urcamp - provas com agendamento diário

Hospede-se na Rede de Hotéis Suárez, um hotel sempre perto de você! CLIQUE AQUI PRA FAZER SUA RESERVA

Conheça a Use Odontologia, agora em São Gabriel

Matricule-se no Fisk e ganhe um presente!

Garupa São Gabriel - Tá aqui do lado

Urbano 60 anos - Parte da família da gente!

Jogue Limpo Com a Sua Cidade - Prefeitura de São Gabriel

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

A União Faz a Vida - Gente que faz pergunta cresce - Sicredi

Studio H de Mana, em novo endereço

Preso na Serra suspeito da morte de jornalista bageense

Tagliene foi morto em 24 de abril, em Porto Alegre.
Suspeito foi preso na noite de quarta, em Carlos Barbosa (foto arquivo pessoal)
A Polícia Civil prendeu o suspeito de assassinar o jornalista bageense Tagliene Padilha da Cruz (Tagli), na noite de quinta-feira (11). Ele foi encontrado na cidade de Carlos Barbosa, na Serra, onde ele estaria escondido depois do crime. A investigação feita pelo Departamento de Homicídios comprovou que houve o roubo de vários pertences da vítima, como roupas, celular e um computador do jornalista morto em 24 de abril.



A identidade ainda não foi revelada. Parte dos itens roubados estava no local onde o homem, de 25 anos, estava. Ele tem antecedentes criminais por crimes contra o patrimônio e a Polícia chegou até ele graças a imagens de câmeras de segurança terem flagrado ele saindo do apartamento em que Tagli morava.


Ele estava com roupas da vítima. Tagli foi morto por asfixia por meio de estrangulamento, segundo laudo preliminar. Ainda está sendo investigado como o suspeito entrou no apartamento da vítima, o que ainda não foi divulgado para não atrapalhar as investigações. A morte do jornalista causou forte comoção na imprensa gaúcha, principalmente na sua cidade natal, Bagé.

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 12/05/2017 10h18 
Contato: (55) 3232-3766 / 996045197 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: