Desfrute de um espetinho gostoso na Mas Bah Tchê Churrasquinho Gourmet em São Gabriel!

Táxi Cristiano 24h - Sua opção de transporte pessoal em São Gabriel

Conforto que cabe no bolso - Íbis Budget Porto Alegre

Estarmed Assistencial - Um plano de saúde gabrielense para os gabrielenses

Sua formação não pode esperar - Ingresse na Urcamp!

Cotribá - Cooperativismo para a produtividade em São Gabriel e região

Aproveite a Temporada Verão 2024 Peruzzo!

Vem para a Unopar em São Gabriel!

Danilo Pires Assistência Técnica agora é Good Place, com o melhor em Apple

Curso Sargento Anderson - campeão de aprovações em São Gabriel e região

anúncio prefeitura sg dengue

Super Engenho São Gabriel - Mais qualidade para sua família

Foco no Futuro com a Urcamp - inscrições para o vestibular de verão abertas!

São Gabriel Saneamento - o melhor está por vir, acredite

Estarmed Assistencial - Um plano de saúde gabrielense para os gabrielenses

Urbano Alimentos - colaborando para o crescimento de São Gabriel e região

Aproveite a Temporada Verão 2024 Peruzzo!

Conheça todos os benefícios do Seguro de Vida Sicredi Essência!

Drª Sandra Regina Marçolla Weber - na VidaMed

Gráfica F1 - Comunicação Visual e Gráfica Offset com qualidade e bom preço!

04 junho 2014

29º Seminário Cooplantio: Especialistas recomendam cuidados ao produtor no controle biológico

Palestrantes do Seminário Cooplantio discutiram combate a pragas, plantas daninhas e doenças

Algumas das principais preocupações dos produtores rurais no período de safra foram discutidos no debate final do segundo dia do Seminário Cooplantio, realizado nesta terça-feira, dia 3 de junho, no Centro de Eventos do Hotel Serrano, em Gramado (RS). As tendências nos controles de pragas, plantas daninhas e doenças foram assuntos do evento que reuniu especialistas em cada uma das áreas.


O painel iniciou com o engenheiro agrônomo e pesquisador da área de Proteção de Plantas da Fundação de Apoio à Pesquisa Agropecuária de Mato Grosso (Fundação MT), Fabiano Siqueri, que mostrou como está sendo feito o controle da ferrugem da soja no Estado. A indicação do especialista é de plantar mais cedo e utilizar material precoce, mas só isso não garante o sucesso do combate. "A imprevisibilidade da ferrugem é um fator que infelizmente não nos ajuda a tratar do tema com otimismo. Uma postura defensiva é recomendada. É preciso aplicar fungicida preventivamente em todos os ciclos", salienta.

Na parte de plantas daninhas, o palestrante foi o pesquisador da Embrapa Trigo, Leandro Vargas. Afirmou aos agricultores presentes que é preciso ficar de olho na questão de aplicação dos produtos para combater os problemas nas lavouras. "Antes de lançar o glifosato no mercado a gente já sabia que o mesmo não controlava bem algumas plantas daninhas. O produtor aplica o produto fora do estágio, não controla e troca de produto. Na verdade o que está acontecendo é um momento de erro de aplicação. É preciso tomar cuidado com os estágios de aplicação", ressalta.

Na parte de pragas, o convidado foi o professor e pesquisador da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Jerson Guedes. Um dos principais temas da última safra foi a presença da Helicoverpa nas lavouras gaúchas, o que causou pânico nos agricultores. Guedes afirma que muito poderia ser evitado se houvesse a correta identificação da lagarta. "Helicoverpa em soja tem uma grande possibilidade de ser armígera. Porém a certeza não vai vir com lagarta, a não ser se o produtor faça a biologia molecular da praga, o que levaria dias", observa.

0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.