Desfrute de um espetinho gostoso na Mas Bah Tchê Churrasquinho Gourmet em São Gabriel!

Táxi Cristiano 24h - Sua opção de transporte pessoal em São Gabriel

Conforto que cabe no bolso - Íbis Budget Porto Alegre

Estarmed Assistencial - Um plano de saúde gabrielense para os gabrielenses

Sua formação não pode esperar - Ingresse na Urcamp!

Cotribá - Cooperativismo para a produtividade em São Gabriel e região

Aproveite a Temporada Verão 2024 Peruzzo!

Vem para a Unopar em São Gabriel!

Danilo Pires Assistência Técnica agora é Good Place, com o melhor em Apple

Curso Sargento Anderson - campeão de aprovações em São Gabriel e região

anúncio prefeitura sg dengue

Super Engenho São Gabriel - Mais qualidade para sua família

Foco no Futuro com a Urcamp - inscrições para o vestibular de verão abertas!

São Gabriel Saneamento - o melhor está por vir, acredite

Estarmed Assistencial - Um plano de saúde gabrielense para os gabrielenses

Urbano Alimentos - colaborando para o crescimento de São Gabriel e região

Aproveite a Temporada Verão 2024 Peruzzo!

Conheça todos os benefícios do Seguro de Vida Sicredi Essência!

Drª Sandra Regina Marçolla Weber - na VidaMed

Gráfica F1 - Comunicação Visual e Gráfica Offset com qualidade e bom preço!

29 abril 2013

CTGs são interditados em São Gabriel

Em informação que recebemos extra-oficialmente e que foi confirmada pelo próprio Corpo de Bombeiros de São Gabriel nesta segunda-feira, os Centros de Tradições Gaúchas do município serão interditados por medidas de segurança. A medida é um dos efeitos da tragédia de Santa Maria, ocorrida em janeiro.


De acordo com informações obtidas por telefone, nenhum dos CTGs tem o alvará de incêndio regular, e terão que adequar os estabelecimentos para voltar a funcionar, com as medidas como sinalização e saídas de emergência adequadas, entre outras.

Com isso, eventos que aconteceriam em CTGs foram transferidos até o momento. O Colégio Tiradentes da Brigada Militar, que realizaria seu baile dos novos alunos na noite de terça (30) no CTG Caiboaté, transferiu o evento para o Banana Café. Vamos aguardar novas informações!

7 comentários via Blogger
comentários via Facebook

7 comentários:

  1. Srs, me parece que a notícia é a interdição dos CTGs e apenas houve uma citação a respeito do Colégio Tiradentes. Faço parte do Comando do Colégio Tiradentes e digo o seguinte: 1 - o nosso baile de entrega das boinas iniciado em 2010 virou tradição para o colégio e por isso realizamos anualmente, não por nos preocuparmos com "aparência" relevando o ensino a segundo plano; 2 - o baile não é gaúcho mas até a necessidade de mudança de local, ocorrida em razão da notícia da interdição dos CTGs, acreditávamos que somente tais estabelecimentos tinham capacidade para um público de aproximadamente 500 pessoas (nº de participantes do evento realizado em 30 de abril de 2013), e mesmo sendo realizado dentro dos CTGs, nosso evento sempre tocou músicas voltadas para todo público, jovem e adulto, não somente música gaúcha, bem como ninguém vai pilchado, além do que os CTGs (estabelecimentos de extrema importância na manutenção, divulgação e ensinamento da cultura do Rio Grande) também são locais adequados para o evento que realizamos;

    ResponderExcluir
  2. 3 - não tivemos 33 formandos, mas sim 31; 4 - de fato nenhum aluno nosso foi aprovado em concurso para Oficial das Forças Armadas, mas aqui é necessário considerar que nosso programa de matérias é voltado para UFSM e não especificamente para os concursos das escolas militares. Se não estou enganado, em São Gabriel a quantidade de jovens que busca o curso do Flamarion para se preparar para EsSA é maior que para os concursos para Oficial (entendo que há uma necessidade de mudança de cultura invertendo essa ordem não somente para nossos alunos). Que os nossos poucos alunos que fizeram concurso para Oficial se surpreenderam, pois embora não tenham passado, manifestaram-nos acreditar que seria mais difícil, que se tivessem se esforçado pouco mais teriam atingido a aprovação (o que para nós demonstra termos potencial); 5 - a comparação feita entre o Colégio Militar de Porto Alegre e nosso Tiradentes beira ao absurdo, pois o CMPA com mais de cem anos de tradição e outros motivos que não vou comparar, foi o primeiro colocado no ENEM de 2011 em todo o Estado entre todas as escolas (federais, estaduais e particulares);

    ResponderExcluir
  3. 6 - com relação a cursinho, embora o Comando do Tiradentes de São Gabriel entenda que devemos trabalhar para que nossos alunos não precisem, sabemos que isso é cultural, que os jovens buscam a complementação do ensino para se sentirem mais seguros. Temos sete Tiradentes no Estado e o mais antigo e tradicional com pouco mais de 30 anos é o de Porto Alegre e lá os alunos também realizam cursos pré-vestibulares para se prepararem, em outros foi implantado um "cursinho" dentro do Tiradentes ou seja a necessidade de cursinho não se restringe à São Gabriel. Fui aluno do CTBM de Porto Alegre na década de 90 e pouquíssimos dentre 50 da minha turma não realizaram cursos pré-vestibulares, até porque o foco do cursinho não é o mesmo das escolas, pois sabemos que algumas orientações e "macetes" que são próprios do ensino de cursinho não é dado pelas escolas que visam mais que apenas os concursos vestibulares; 7 - ainda não temos o resultado de nossos alunos no ENEM, mas nosso projeto político-pedagógico é semelhante ao de todos os Tiradentes e se preocupa sim e muito com o ensino, o que é demonstrado no resultado do ENEM 2011 dos Tiradentes de Porto Alegre, Santa Maria e Passo Fundo que já tinham turma concluída. Considerando as escolas públicas federais e estaduais o de Porto Alegre ficou em terceiro, o de Santa Maria em quarto e o de Passo Fundo em nono. Se considerarmos somente as escolas estaduais o de Porto Alegre ficou em primeiro, o de Santa Maria em segundo e o de Passo Fundo em terceiro, considerando nos dois crítérios todo o Estado. Ficará mais claro quando tivermos nosso resultado de 2012 para podermos reavaliar nosso ensino, mas diariamente e com grande constância buscamos sim a melhoria de nosso ensino

    ResponderExcluir
  4. 8 - o Tiradentes é mais do que apenas o uso de uma farda, pois muitos são os pais que manifestam a mudança de comportamento de seus filhos ao ingressarem no Tiradentes, principalmente no tocante as responsabilidades básicas que seus filhos passam a cumprir. Ao final do baile das boinas de 2013 ouvi de uma pessoa, que lida com muitos jovens, a surpresa dele com o comportamento de nossos alunos desde a ajuda na organização do baile como o comportamento apresentado durante a festa. Sabemos que há muito a ser feito para que consigamos melhorar dia-a-dia nossa escola. Toda a nossa comunidade escolar precisa buscar uma mudança de comportamento, um exemplo que cito, de algo que vi somente nesta cidade é que em dias de chuva forte muitos alunos não vão à escola e isso não é privilégio do Tiradentes isso ocorre nas diversas escolas da cidade e isso precisa acabar. O que não concordo é alguém que não conhece de fato a escola, que não sabe o que o Comando faz ou deixa de fazer na busca da melhoria do ensino, diga que não nos preocupamos com ele. É uma escola militar, com suas regras próprias, não é melhor nem pior que as demais mas é diferente e aqueles que quiserem saber como trabalhamos compareçam na escola e conversem conosco para depois fazerem suas afirmações e daí sim criticarem fundamentadamente não através de comparações que como disse beira o absurdo. Marcelão obrigado por acreditar e tenha a certeza de nosso esforço na busca da melhoria constante.

    ResponderExcluir
  5. Gustavo, com relação aos 17, já demonstrei que esse nº está errado, pois seria quinze, dos quais não posso lhe afirmar quantos, mas alguns destes alunos conseguiram aprovação em universidades após o resultado do ENEM. Entendo que não podemos criticar os motivos que fazem os alunos escolherem determinados cursos e universidades. Esqueci de citar antes mas a quantidade de alunos que tivemos aprovados na UFSM na nossa primeira turma foi bem próxima da quantidade de aprovados da primeira turma do Tiradentes de Santa Maria, considerando-se que aquela cidade tem bem mais recursos que a nossa, o que nos faz acreditar novamente que não estamos tão errados e despreocupados com o ensino. A ti também devo o agradecimento pela manifestação, pois a crítica é sempre bem vinda pois contribui para nosso crescimento e como disse estamos à disposição.

    ResponderExcluir
  6. Sr Gustavo Jobim, novamente manifesto que a escola está aberta para que possa ir conhecer e se estás de fato preocupado com o ensino do colégio compareça e conversaremos. Como respondi nos comentários anteriores os teus nº estão errados pois equivoca-se na simples informação de quantos formandos tivemos. Com relação a menção de nosso aluno Gustavo Weber de que comparadamente aos demais Tiradentes nosso ensino é fraco, eu questiono pois como disse nosso resultado comparado ao de Santa Maria nos nossos primeiros vestibulares não foram tão diferentes. Refere conhecer algum professor que mencionou o engatinhar da instituição. Como não sei de quem se refere lhe pergunto se questionaste qual a contribuição desse professor no engatinhar do ensino do Tiradentes? Se o comentário é de professor que não trabalha ou trabalhou na escola também não tem conhecimento de causa para falar. Temos professores com muitos anos de serviço, que passaram por outras escolas que lhe dirão estarem na melhor escola que já trabalharam.

    ResponderExcluir
  7. Como provavelmente não sabe em janeiro de 2013 a escola fez três anos e temos apenas uma turma de vestibular dos quais alguns resultados ainda não sabemos (ENEM) para que possa se tecer afirmações pejorativas. Mencionas que disciplina se traz de berço, concordo em parte, pois o que se traz de berço é educação e uma pessoa pode ser educada sem ser disciplinada, pode ser educada e desleixada consigo mesmo, mas há famílias que educam e disciplinam seus filhos, essas sim trazem de berço. Por outro lado as instituições que participam da formação do jovem como a escola pode complementá-la naqueles que já o são disciplinados e ensinar, orientar, mostrar a importância dela na vida daqueles que não são tão disciplinados, o que contribui em muito para a formação do jovem. É preciso mudar o pensamento de que basta entrar no Tiradentes que todo mundo passa em qualquer vestibular. Esse resultado é fruto de todos que participam do processo ensino-aprendizagem, quais sejam comando, professores, alunos e também a família. Como disse em comentário anterior não somos melhores que as demais escola, seria prepotência nossa dizer isso com apenas três (3) anos de existência, mas somos diferentes, consequência de nosso regramento militar. Já que mencionaste as escolas de ensino fundamental da cidade lhe pergunto se sabes quantos alunos de São Gabriel seriam aprovados no mesmo processo seletivo na cidade de Porto Alegre? Não vou referir números mas a prova de todos os Tiradentes é a mesma e aplicada no mesmo dia, cada um em sua cidade e pouquíssimos alunos de São Gabriel seriam aprovados para estudar no Tiradentes de Porto Alegre, sabes me dizer porque? Eu não sei, mas creio que são vários os fatores. Faço essa comparação com o Tiradentes de Porto Alegre que também beira o absurdo para mostrar que a comparação com o Colégio Militar de Porto Alegre também não é adequada. É verdade que muito precisa ser feito por todos que integram nossa comunidade escolar, mas não diga que não estamos fazendo, que não estamos nos esforçando, que não nos preocupamos com a qualidade do ensino pois isso não é verdade.

    ResponderExcluir

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.