Luyan Lopes, 24 anos, morreu ao levar descarga elétrica durante passagem de som em São Borja, no último sábado (foto arquivo pessoal)

O corpo do músico e vocalista Luyan Lopes de Aguiar, 24 anos, foi sepultado neste domingo (13) em Itaó, no interior de Itaqui, onde residia. Luyan morreu vítima de uma descarga elétrica de uma guitarra quando fazia passagem de som com seu grupo num piquete da vizinha cidade de São Borja na noite de sábado, 12 de fevereiro.

Ele era cantor do grupo tradicionalista Pankda da Vaneira, de Itaqui, que faria uma apresentação no piquete. No momento do acidente, Luyan estava fazendo a passagem de som e na terceira vez em que regulava o instrumento, gritou pedindo ajuda. A rede elétrica foi desligada pelos colegas do grupo e foi tentado retirar a guitarra dele, mas um dos colegas levou um choque. 

Os Bombeiros e SAMU foram acionados e realizaram procedimentos de reanimação, mas ele não resistiu e morreu no local. Ele fazia parte do grupo havia três anos e também era compositor. Recentemente, tinha sido aprovado no concurso da Brigada Militar. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 14/02/2022 09h11
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Post a Comment

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.