Unidade de Oncologia Marina Ramos, da Santa Casa de São Gabriel, está oficialmente credenciada no SUS (foto Marcelo Ribeiro/arquivo site C7)

Depois de muito tempo, finalmente, o Centro de Oncologia Marina Ramos, da Santa Casa de São Gabriel, está credenciado no Sistema Único de Saúde (SUS), para tratamentos oncológicos. A portaria do Ministério da Saúde foi publicada nesta segunda-feira (27) no Diário Oficial da União. Com isso, tem êxito uma caminhada percorrida pela Prefeitura de São Gabriel desde 2019. 

A portaria habilita o Centro de Oncologia de São Gabriel como serviço do Sistema Único de Saúde e já atribui um orçamento anual de R$ 4.783.383,29 (quatro milhões, setecentos e oitenta e três mil trezentos e oitenta e três reais e vinte e nove centavos), que passa a ser acrescentado ao limite de Alta Complexidade do Estado do Rio Grande do Sul, sob responsabilidade da Secretaria Nacional de Atenção Especializada em Saúde. Com está decisão, o Centro de Oncologia Marina Ramos atenderá pacientes oncológicos SUS de cinco municípios: Alegrete, Manoel Viana, Rosário do Sul, Sant'Ana do Livramento, Santa Margarida do Sul e São Gabriel.

O prefeito Rossano Gonçalves ressalta a luta iniciada ainda em outubro de 2016, logo depois de eleito para seu quarto mandato, junto a autoridades federais para credenciar o serviço de oncologia da Santa Casa junto ao Sistema Único de Saúde. “Por um dever de justiça, devo agradecer a muitas pessoas que ombrearam essa causa conosco. Os ex-provedores da Santa Casa, desde o falecido provedor Marcos Góes, ao atual provedor Cilon Lopes de Siqueira; meu ex-secretário de Saúde Ricardo Coirolo, e minha atual secretária Kátia Raposo; o coordenador da bancada gaúcha no Congresso Nacional, deputado Giovani Cherini; a secretária estadual de Saúde, Arita Bergmann; o deputado estadual Frederico Antunes, e a secretária de Relações Federativas do Governo do Estado, ex-senadora Ana Amélia Lemos; e obviamente, ao ministro Marcelo Queiroga e ao presidente Jair Bolsonaro, bem como outros tantos que cooperaram anonimamente, e que no devido tempo serão reconhecidos. O ministro me prometeu que os detalhes burocráticos estariam resolvidos até o final deste ano, e quatro dias antes de encerrar 2021, ele cumpriu sua palavra com o povo de São Gabriel”, assinalou.  

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 27/12/2021 18h37
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Post a Comment

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.