12 agosto 2020

PRF intercepta criminosos estrangeiros entrando no país

Integrantes de uma violenta quadrilha internacional, dois chilenos entravam no Brasil utilizando nomes falsos. No mesmo ônibus, três cubanos estavam com um simulacro de pistola

Na tarde dessa terça-feira (11), na BR 158 em Santana do Livramento, a Polícia Rodoviária Federal interceptou três cubanos e dois chilenos que entravam ilegalmente de ônibus no Brasil. Os chilenos, integrantes de uma quadrilha internacional de roubo, utilizavam nomes falsos. Os chilenos estão envolvidos em crimes em diversos países e um deles, inclusive, foragido no seu país de origem e com alerta emitido pela Interpol.

Policiais Rodoviários Federais realizavam uma operação de combate ao crime quando abordaram um ônibus que fazia a linha Santana do Livramento - Porto Alegre. No veículo, identificaram 5 estrangeiros que haviam cruzado ilegalmente a fronteira e entravam no país. 

Um casal de cubanos com uma criança não tinham autorização para entrar no Brasil, até porque as fronteiras permanecem fechadas. Na bagagem deles, os policiais encontraram cinco celulares e um simulacro de pistola, que é de importação proibida, e pode ser facilmente confundida com uma arma de verdade. Dois homens, falantes de espanhol, disseram serem chilenos, mas não apresentaram nenhum documento. Eles transportavam jóias, relógios, roupas de diferentes tamanhos e 1600 dólares.

Após várias horas de pesquisas e consultas minuciosas, agentes da PRF e da PF descobriram a real identificação dos homens, que informaram nomes falsos para tentar enganar os policiais. Eles eram realmente chilenos, um deles inclusive estava foragido no Chile e com alerta emitido pela Interpol, já tendo sido preso em São Paulo alguns anos atrás. O outro tem antecedentes por roubo no Paraguai.

Os dois são suspeitos de integrarem uma quadrilha internacional envolvida em roubos no Paraguai e no Uruguai. Os produtos que transportavam são provavelmente oriundos de crimes cometidos fora do Brasil.

Todos foram conduzidos à Polícia Federal para o processo de deportação. A operação ainda teve apoio do Exército Brasileiro. 

Reportagem: Comunicação Social PRF/Divulgação
Data: 12/08/2020 15h48
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui, mas deixamos claro uma coisa. Não vamos tolerar bandalheiras e bagunça no blog, por que somos favoráveis ao debate, mas com respeito e educação:
- Identifique-se na hora de postar o comentário;
- Ofensas e xingamentos contra outras pessoas ou à direção do blog, não serão tolerados, além de ser passíveis de ações judiciais, com identificação dos responsáveis;
- Ao escrever, pense que o blog é seu. E que você pode ser acionado judicialmente pelos comentários;
- Não "ponha palavras" na boca dos outros, por que não vai passar;
- Quer deixar endereços web, use o cadastro na hora de comentar;
- CAIXA ALTA, erros de português ou outros semelhantes, nem pensar! Aqui não é local de gente que não está preparada para dar opinião, muito menos bagunceiros ou arruaceiros.
- O comentário tem que ser relacionado a postagem, do contrário, não será considerado.
- Denúncias de qualquer natureza, tem que ser feitas diretamente às autoridades, com a Brigada Militar pelo 190 e a Polícia Civil pelo 3232-6166.