14 abril 2020

FGF poderá retomar Divisão de Acesso em agosto

Divisão de Acesso pode voltar em agosto, dependendo do arrefecimento do coronavírus no Estado; clubes só tinham jogado três rodadas até suspensão da competição. O São Gabriel só tinha jogado uma em casa contra o Guarany, quando venceu de virada por 2 a 1 em 8 de março (foto arquivo C7)
Há cerca de um mês, o futebol brasileiro parou de vez com a pandemia de coronavírus. A rodada do Campeonato Gaúcho da Divisão de Acesso que ocorreria naquele final de semana de 16 de março com portões fechados acabou suspensa e desde então, os campos do interior estão vazios, sem futebol nem jogos. A Federação Gaúcha de Futebol (FGF), presidida por Luciano Hocsman, após várias reuniões por videoconferência com os clubes, delimitou para agosto o retorno do campeonato, que parou com três rodadas.



O presidente da FGF se manifestou nesta terça-feira (14) ao programa Visão Geral, da Rádio Cultura de Bagé. Ele disse que a retomada está atenta as orientações de órgãos governamentais e autoridades sanitárias, para poder retomar a competição e as projeções são para que isso ocorra em agosto.

Cada um dos times que disputa a Divisão de Acesso (16 ao todo, entre eles o Esporte Clube São Gabriel), receberá a quantia de R$ 22 mil, com a finalidade de auxílio do custeio de despesas. O valor corresponde a 35% da verba de ressarcimento, prevista no artigo 42º do Regulamento da competição. Os filiados também ficarão isentos do pagamento das taxas administrativas da FGF referentes a registro, rescisão, renovação ou prorrogação de contratos de atletas, até o total de 60 jogadores.

Entre as demais deliberações da reunião, ficou definida a observância de um período de 10 dias para a preparação das equipes tão logo ocorra a previsão de liberação das atividades e que as datas para registros de novos atletas com condições de jogo serão readequadas ao período da competição. A Federação disponibiliza, ainda, o seu departamento jurídico para assessorar os advogados dos clubes. Não há garantia de retorno para o público, sendo que dependendo da situação, os jogos podem ser com portões fechados.


O campeonato, até a suspensão, tinha tido três rodadas disputadas, onde o São Gabriel jogaria no dia 15 de março contra o São Paulo de Rio Grande. A FGF tinha decidido jogar de portões fechados e com restrições de público, mas os clubes solicitaram a suspensão porque não teriam renda e isso poderia agravar ainda mais a situação financeira delicada. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 14/04/2020 12h49
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.