Esquenta EAD Urcamp - A condição que vai aquecer sua carreira! CLIQUE AQUI!

Páscoa Peruzzo - Recheada de ofertas para você

Painéis Solares A Elétrica - Energia Solar em até 120x

Urbano 60 anos - Parte da família da gente!

Clínica Imuniza - Muito mais do que vacinar, cuidar do seu bem estar - CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS

Faça seu cartão Cauzzo e tenha os melhores profissionais para sua saúde

Faça seu Plano Safra com o Sicredi

Use Odontologia em São Gabriel - saúde bucal para você e sua família

Anúncio Dra Ana Paula Ross

26 setembro 2019

Debates abrem Semana do Ministério Público de São Gabriel

Primeira noite da 4ª Semana do Ministério Público de São Gabriel foi aberta oficialmente pelo Procurador do MP-RS, Sílvio Miranda Munhoz, que falou sobre os equívocos e garantias que as leis acabam dando para permitir afrouxamento de punições diversas
Na noite de quarta-feira (25), foi iniciada a 4ª edição da Semana do Ministério Público de São Gabriel, evento promovido pela Associação do Ministério Público do Rio Grande do Sul (AMP-RS) e o Curso de Direito da Urcamp São Gabriel. O evento foi aberto com a palestra do Procurador de Justiça do MP-RS, Sílvio Miranda Munhoz, sobre o tema "Cultura da improbidade, laxismo garantista e ideologização da estatística: os frutos dos equívocos de especialistas e outros leigos na segurança pública", onde ele criticou equívocos e erros nas leis penais brasileiras.



Bom público acompanhou a primeira noite do evento no Auditório do Campus II da Urcamp
O Procurador fez uma explanação dos erros de especialistas e leigos na segurança pública, que fazem com que as leis sejam ineficazes. Ele citou por exemplo, a Lei do Abuso de Autoridade, que segundo ele, "vai estimular a impunidade no país" e condenou o descaso do Estado no afrouxamento das leis penais, além de tocar na questão de que o cidadão é vítima de Democídio, ou seja, ele ser assassinado pelo Estado por esta ineficácia. Ele explicou também sobre o que é o Laxismo garantista, que nada mais é promover punições "benevolentes" e soluções absolutórias para transgressores das leis. O tema dividiu opiniões e gerou muitos questionamentos na primeira noite.


A segunda e última noite será nesta quinta-feira, 26 de setembro, a partir das 19h30, com palestra sobre "Direito penal criminoso: a revitimização e a sacralização dos direitos do réu", com o Promotor de Justiça do MP-RS, Ronaldo Lara Resende. O evento tem apoio do Ministério Público do RS, Fundação Escola Superior do Ministério Público e da Urcamp.

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 26/09/2019 10h13
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com jeito, tudo pode ser dito das mais variadas formas. Solicitamos: leia a matéria antes de comentar. Colabore conosco para a difusão de ideias e pontos de vista em nível civilizado.