06 maio 2019

Rosário do Sul: morre a cabelereira Camila Quadros

Camila Quadros faleceu neste domingo aos 36 anos em Rosário do Sul (foto arquivo pessoal)
Uma notícia pegou muitos de surpresa e entristeceu a comunidade rosariense neste domingo, 5 de maio. A empreendedora e cabelereira Camila Quadros faleceu aos 36 anos de forma precoce. Rosarienses lamentaram sua partida prematura nas redes sociais na noite deste domingo.



Ela vinha batalhando contra um câncer nos últimos meses. Camila, além de empreendedora bem sucedida, era mãe e bem querida na comunidade de Rosário. Integrava vários segmentos e entidades, como o Piquete Anita Garibaldi e o Bloco Sucessagem, onde também era apoiadora dos eventos.


Também era muito ligada à juventude, onde apoiava várias festas na cidade. Foi distinguida várias vezes com o Troféu Evidência em Rosário pelo seu empreendedorismo. Informações sobre despedidas serão divulgadas posteriormente. À família, nossos sentimentos por esta perda lamentável. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 06/05/2019 01h47 
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui, mas deixamos claro uma coisa. Não vamos tolerar bandalheiras e bagunça no blog, por que somos favoráveis ao debate, mas com respeito e educação:
- Identifique-se na hora de postar o comentário;
- Ofensas e xingamentos contra outras pessoas ou à direção do blog, não serão tolerados, além de ser passíveis de ações judiciais, com identificação dos responsáveis;
- Ao escrever, pense que o blog é seu. E que você pode ser acionado judicialmente pelos comentários;
- Não "ponha palavras" na boca dos outros, por que não vai passar;
- Quer deixar endereços web, use o cadastro na hora de comentar;
- CAIXA ALTA, erros de português ou outros semelhantes, nem pensar! Aqui não é local de gente que não está preparada para dar opinião, muito menos bagunceiros ou arruaceiros.
- O comentário tem que ser relacionado a postagem, do contrário, não será considerado.
- Denúncias de qualquer natureza, tem que ser feitas diretamente às autoridades, com a Brigada Militar pelo 190 e a Polícia Civil pelo 3232-6166.