Caderno7 - O site de notícias da Metade Sul: Bagé: morre mototaxista que teve perna amputada após necrose por falta de cuidados

volta as aulas perpétuo

More com conforto no Hotel Obino de São Gabriel. Saiba mais!

Volta às Aulas da Grazziotin, aproveite e parcele em até 10x no nosso cartão

Conheça a Use Odontologia, agora em São Gabriel

19 de janeiro, Vestibular Unopar 2019. Inscreva-se!

Invista no primeiro shopping center de São Gabriel

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Anúncio Sicredi novo

Dra. Namiriane Müller Leal - Cirurgiã-dentista

Pague o IPTU em cota única e ganhe descontos! Até 11 de fevereiro

Dra. Marcele Camponogara - Odontologia e Estética

Conheça a KJ Contabilidade Consultiva e saiba mais como fazer contabilidade com eficiência

Bagé: morre mototaxista que teve perna amputada após necrose por falta de cuidados

Eduardo Corrêa Costa, 53 anos, que teve a perna amputada por ter ficado necrosada após duas cirurgias para recuperação de fratura e com larvas na Santa Casa de Bagé, morreu de parada cardíaca neste sábado à tarde, em virtude de complicações clínicas por conta desta questão toda (foto divulgação)
Bagé - Um dos casos mais polêmicos na saúde teve um desfecho trágico na tarde deste sábado, 2 de fevereiro. O mototaxista Eduardo Corrêa Costa não resistiu às complicações da perna necrosada por falta de cuidados adequados na Santa Casa de Caridade de Bagé e veio a morrer na tarde deste sábado.


Ao fazer a troca de curativos por muita insistência da família, foi descoberta necrose e larvas na perna fraturada. Devido ao estado, perna teve de ser amputada (foto divulgação)
Eduardo, que fraturou a perna em um acidente de trabalho na Avenida São Judas na semana passada, tinha feito uma cirurgia na tarde de quinta para amputar a perna que ficou necrosada após duas cirurgias e falta de troca de curativos e higienização enquanto esteve internado no hospital. Houve uma sensível melhora conforme o último boletim médico veiculado na sexta, mas no dia seguinte, a vítima teve uma parada cardíaca e dos rins, vindo a óbito.

Agora a situação complicará porque uma morte ocorreu por negligência médica e uma fratura que poderia ter sido resolvida virou um problema e deixou uma família sem seu líder. O caso foi noticiado somente pelo site Bagé 24h e acompanhado pelo site Caderno7

Reportagem: Marcelo Ribeiro, via site Bagé 24h
Data: 02/02/2019 18h47
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: