21 novembro 2018

História do Menna Barreto é contada em livro da Secretaria de Educação

História do Menna Barreto está registrada em livro lançado pela Secretaria Estadual de Educação sobre as narrativas e memórias das escolas estaduais do Curso Normal no RS 
A história do centenário Instituto Estadual de Educação Menna Bareto está oficialmente eternizada em livro lançado neste mês pela Secretaria Estadual de Educação (SEDUC). O livro "Narrativas e Memórias das Escolas Estaduais de Curso Normal do Rio Grande do Sul" traz uma coletânea de fatos históricos das escolas estaduais de Curso Normal, e o Menna está entre elas.



Escreveu sobre a história do Menna Barreto, que completou 100 anos em 2018, a professora Marta Jaqueline Ramos Mendes, que integra o educandário. Na ocasião, ela conta sobre sua trajetória, iniciada em 1918 como Escola Elementar de São Gabriel.

A obra traz uma inédita compilação de documentos e fatos históricos das 99 escolas da rede estadual gaúcha que ainda oferecem o curso, surgido no Estado em 1869 – o pioneiro foi o Instituto Flores da Cunha, de Porto Alegre.

“O resgaste traz ainda as particularidades de cada uma das escolas. A oferta do Curso Normal diminuiu muito em todo o Brasil, mas ainda é uma marca no sistema de ensino gaúcho”, disse o assessor pedagógico da Seduc Clark Balbueno Sarmento, um dos organizadores da obra.

* Textos, fotos e vídeos do site Caderno7 estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral, sendo vedada a reprodução em qualquer meio de comunicação sem autorização prévia.

Reportagem: Marcelo Ribeiro, com informações da SEDUC 
Data: 21/11/2018 15h43 
Contato da Redação: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui, mas deixamos claro uma coisa. Não vamos tolerar bandalheiras e bagunça no blog, por que somos favoráveis ao debate, mas com respeito e educação:
- Identifique-se na hora de postar o comentário;
- Ofensas e xingamentos contra outras pessoas ou à direção do blog, não serão tolerados, além de ser passíveis de ações judiciais, com identificação dos responsáveis;
- Ao escrever, pense que o blog é seu. E que você pode ser acionado judicialmente pelos comentários;
- Não "ponha palavras" na boca dos outros, por que não vai passar;
- Quer deixar endereços web, use o cadastro na hora de comentar;
- CAIXA ALTA, erros de português ou outros semelhantes, nem pensar! Aqui não é local de gente que não está preparada para dar opinião, muito menos bagunceiros ou arruaceiros.
- O comentário tem que ser relacionado a postagem, do contrário, não será considerado.
- Denúncias de qualquer natureza, tem que ser feitas diretamente às autoridades, com a Brigada Militar pelo 190 e a Polícia Civil pelo 3232-6166.