30 setembro 2018

Cadela comunitária se assusta com fogos e morre atropelada durante manifestação


* Em respeito ao nosso leitor, não reproduziremos a imagem do animal atropelado

Uma perda chocou a causa animal na tarde deste domingo (30) em São Gabriel. A cadela comunitária Pintada, que vivia ao lado da Igreja do Galo, segundo informações das protetoras, morreu hoje ao ser atropelada por carro ainda não identificado que estaria na carreata realizada neste domingo pelas ruas do Centro da cidade.


Ela se assustou com os foguetes e saiu correndo, e acabou morrendo atropelada. A morte da cadela comunitária, que era a primeira a ser cuidada pela população, repercutiu negativamente nas redes sociais onde mais uma vez, se debate a necessidade de se usar fogos de artifício, acabam assustando animais, que são super-sensíveis ao barulho causado. As ONGs informaram que vão buscar o culpado e responsabilizá-lo pela morte do animal.

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 30/09/2018 19h10
Contato: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com

Um comentário:

  1. Meu deus que horror a cadelinha não teve culpa o animal se assusta de foguetes isso foi muito errado atropelar e nao prestar ajuda ao animal,com essa fiquei muito triste

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário aqui, mas deixamos claro uma coisa. Não vamos tolerar bandalheiras e bagunça no blog, por que somos favoráveis ao debate, mas com respeito e educação:
- Identifique-se na hora de postar o comentário;
- Ofensas e xingamentos contra outras pessoas ou à direção do blog, não serão tolerados, além de ser passíveis de ações judiciais, com identificação dos responsáveis;
- Ao escrever, pense que o blog é seu. E que você pode ser acionado judicialmente pelos comentários;
- Não "ponha palavras" na boca dos outros, por que não vai passar;
- Quer deixar endereços web, use o cadastro na hora de comentar;
- CAIXA ALTA, erros de português ou outros semelhantes, nem pensar! Aqui não é local de gente que não está preparada para dar opinião, muito menos bagunceiros ou arruaceiros.
- O comentário tem que ser relacionado a postagem, do contrário, não será considerado.
- Denúncias de qualquer natureza, tem que ser feitas diretamente às autoridades, com a Brigada Militar pelo 190 e a Polícia Civil pelo 3232-6166.