Caderno7 - O site de notícias da Metade Sul: Felipe Abib entra com emendas para solicitar isenções no estacionamento rotativo

Acompanhe nossa cobertura sobre a guerra ao coronavírus

Para matar sua fome, pede uma Baita Pizza em São Gabriel! Clique aqui e saiba mais!

Supermercado Bromberger - O gigante dos preços baixos em São Gabriel!

Participe da promoção "De Malas Prontas" da Dismabe Superauto e ganhe um vale-viagem!

Dia 22 de março - Dia Mundial da Água

Conheça o novo endereço da Pohlmann Móveis em Madeira e Decoração

Se inscreva no Vestibular de Verão da Urcamp - provas com agendamento diário

Hospede-se na Rede de Hotéis Suárez, um hotel sempre perto de você! CLIQUE AQUI PRA FAZER SUA RESERVA

Conheça a Use Odontologia, agora em São Gabriel

Matricule-se no Fisk e ganhe um presente!

Urbano 60 anos - Parte da família da gente!

Previna-se contra o novo coronavírus - Prefeitura de São Gabriel

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Se proteja do Coronavírus com as dicas do Sicredi

Studio H de Mana, em novo endereço

Felipe Abib entra com emendas para solicitar isenções no estacionamento rotativo

Felipe Abib solicitou isenções que foram prometidas e não constariam da lei que regulamenta o estacionamento rotativo, para táxis e tolerâncias de tempo (foto arquivo C7)
O vereador Felipe Abib (PT) entrou na última quinta-feira (12) com projeto de lei para incluir isenções no estacionamento rotativo de São Gabriel, que teve lei aprovada no último mês. Segundo o parlamentar, estas emendas foram inseridas visto que no decreto que regulamenta o serviço, foram prometidas que haveriam estas isenções, mas no entanto, isso não aconteceu.


O projeto solicita a inserção, no artigo 4º da lei 3835, da isenção de pagamento na área azul, de táxis, desde que as concessões estejam em dia com o município; os veículos para carga e descarga no prazo de até 10 minutos; além disso, gratuidade para os veículos que ficarem até 10 minutos em qualquer área de estacionamento pago e os veículos de tração animal, tolerância de até 20 minutos para carga e descarga.

"Quando propusemos as emendas, os vereadores de situação rejeitaram alegando que isso estaria em decreto do Executivo, o que não aconteceu e nem consta nada a respeito no processo licitatório. Estamos entrando com essa proposição, pois foi dada uma palavra pelos vereadores da situação e não foi cumprida", justificou. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 16/07/2018 08h57
Contato: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: