Vem aí o Black Friday da Grazziotin

Vem para o 2º Trilhão de São Gabriel - 24 e 25 de novembro

A partir de segunda-feira, 12 de novembro, LaborCito com filial!

Colégio Perpétuo Socorro - matrículas abertas a partir de 19 de novembro

Vem pro Cortinaço da Tottal Casa & Conforto

Vestibular de Verão da Urcamp - CLIQUE AQUI PARA FAZER SUA INSCRIÇÃO

Invista no primeiro shopping center de São Gabriel

Vestibular EAD da Unopar, provas agendadas, inscreva-se já

Colabore para uma cidade limpa - Jogue Limpo com a sua Cidade

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Anúncio Sicredi novo

Oficina de Costura

Rádio RBC FM - A emissora da comunidade

Chega de pagar caro na sua conta de luz. Ecotec Energy

São Gabriel figura entre as 50 maiores receitas municipais do Rio Grande do Sul

Prefeitura de São Gabriel figura em 44º lugar no ranking de receitas municipais de 2017, divulgado pela Frente Nacional dos Prefeitos (foto arquivo C7)
São Gabriel encerrou 2017 na lista das 50 maiores receitas do Estado. O município ficou em 44º lugar estadual na listagem, com uma arrecadação de R$ 145.765.544,42, figurando nas maiores arrecadações do Rio Grande do Sul, no ranking que elenca as 497 prefeituras. No país, São Gabriel está em 494º lugar e na Região Sul, 103° lugar.


O ranking gaúcho foi divulgado nas últimas semanas pela Frente Nacional dos Prefeitos (FNP) e é liderado por Porto Alegre, com uma receita de R$ 6.182.352.945,57; Caxias do Sul, com R$ 1.810.877.545,17; Canoas, com R$ 1.568.344.589,62; Pelotas, com R$ 930.533.257,62; e Novo Hamburgo, com R$ 872.428.849,04. Curitiba, capital do Paraná, lidera o ranking da região Sul, com R$ 8.320.476.053,60. O ranking nacional é encabeçado por São Paulo, que totalizou uma receita de R$ 51.768.085.786,03 em 2017.

Em receitas, de acordo com o levantamento da FNP, São Gabriel teve um total de arrecadado em Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) em 2017 de R$ 3.643.959,40, registrando em relação ao ano anterior, um acréscimo de 100 mil reais. A arrecadação de Imposto Sobre Serviços (ISS) registrou um salto em relação a 2016. Em 2017, foram arrecadados R$ 5.173.275,64, cerca de 400 mil a mais do que o ano anterior. A receita tributária teve um aumento, de R$ 15.707.162,96 para R$ 15.844.956,92.

O município ficou atrás de cidades da região como Santa Maria (8ª no estado, com receita de R$ 643.926.206,85), Bagé (18º lugar, com receita de R$ 321.759.221,57), Uruguaiana (28º, R$ 232.868.601,09), Santana do Livramento (34º, R$ 206.097.860,08) e Alegrete (35º, R$ 204.549.313,05). 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 21/06/2018 15h46
Contato: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: