Inscreva-se para o vestibular da Unopar

Inscreva-se no Curso Técnico de Enfermagem da Urcamp São Gabriel

No escuro a gente brilha - Glow in The Dark, 7 de julho no Clube dos Sargentos de Rosário

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Anúncio Sicredi novo

Oficina de Costura

Rádio RBC FM - A emissora da comunidade

Prefeitura decreta situação de calamidade por desabastecimento

Reunião de emergência definiu por decretar situação de calamidade pública pelo desabastecimento que ocorre em todo o País (foto Amanda Hickmann)
Devido à crise gerada pelo desabastecimento em virtude da greve dos caminhoneiros em todo o País, a Prefeitura de São Gabriel decretou Situação de Calamidade Pública por conta desta situação e anunciou apoio ao movimento. Uma reunião de emergência foi convocada pelo Prefeito Rossano Gonçalves na manhã desta quinta-feira (24).


Com o decreto, ficam suspensas as aulas nas escolas municipais, que permanecerão com expediente interno. O atendimento nos postos de saúde permanecerá normalmente, mas as viagens de pacientes para outros Centros de Referência serão realizadas só em casos de urgência e emergência.

O decreto também paralisa as obras de pavimentação asfáltica e determina uma redução do fluxo do Transporte Coletivo, reduzindo a circulação aos horários de pique na zona urbana e aos dias de maior utilização na zona rural.

A frota de veículos da Prefeitura será paralisada, salvo em casos de extrema necessidade. “Já existe carência de alimentos para merenda escolar, produtos de limpeza, e obviamente, de combustíveis, o que nos obriga a esta decisão. Sabemos que haverá algum transtorno, mas pedimos compreensão à comunidade. Este é o efeito de um protesto legítimo, que conta com nosso apoio, para mudar essa política perversa de reajuste de preços. É o preço que teremos que pagar para produzir mudanças necessárias no nosso país”, assinalou o prefeito Rossano Gonçalves.

Veja o comunicado emitido pela Prefeitura à população:

COMUNICADO À POPULAÇÃO

Em virtude da crise de abastecimento gerada em todo o país pelo protesto legítimo dos caminhoneiros e produtores rurais contra os reajustes constantes dos combustíveis, que já está ocasionando a falta de insumos básicos para o funcionamento de diversos serviços públicos, como produtos de higiene e limpeza, gás e alimentos para merenda escolar, a Prefeitura Municipal de São Gabriel decretou SITUAÇÃO DE CALAMIDADE PÚBLICA POR DESABASTECIMENTO E ESCASSEZ DE COMBUSTÍVEIS, com os seguintes efeitos:
- Estão SUSPENSAS as aulas nas Escolas e Creches Municipais;
- Ficam SUSPENSAS as obras públicas em vias urbanas;
- Os atendimentos da rede municipal de Saúde estarão restritos aos casos de URGÊNCIA e EMERGÊNCIA. Todos os procedimentos eletivos estão SUSPENSOS.
- Os serviços de limpeza e conservação das vias públicas permanecerão inalterados.
- O Transporte Coletivo urbano e rural sofrerá alterações de horário, com cronograma a ser divulgado posteriormente.
Pedimos a compreensão da comunidade em vista do grave momento nacional, e reiteramos o apoio do Poder Executivo a esta mobilização da sociedade civil.

Rossano Dotto Gonçalves
Prefeito Municipal

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 24/05/2018 15h41
Contato: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: