Caderno7 - O site de notícias da Metade Sul: "Voz do Brasil" poderá mudar de horário a partir de quarta-feira

28-12 2º Reveillon Gaudério - CTG Querência Xucra

Se inscreva no Vestibular de Verão da Urcamp - provas com agendamento diário

Prestigie o Show de Encerramento do Ano do Colégio Perpétuo Socorro - 13 de dezembro, às 20h30

Natal Tottal - em até 10x sem juros

13/12 - Pré-reveillon Protege, na Seven

Dotto Advocacia - Cível, criminal, trabalhista, trânsito - clique aqui para entrar no site

Conheça o Espaço Terapêutico Infinity, em São Gabriel

Hospede-se na Rede de Hotéis Suárez, um hotel sempre perto de você! CLIQUE AQUI PRA FAZER SUA RESERVA

Matrículas abertas no Colégio Perpétuo Socorro para 2020!

Conheça a Use Odontologia, agora em São Gabriel

Faça inglês e espanhol no Fisk - matrículas abertas

Garupa São Gabriel - Tá aqui do lado

Colabore com a limpeza da cidade, não jogue lixo na rua! Jogue Limpo com sua Cidade!

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Faça seu dinheiro crescer investindo no Sicredi

Dra. Namiriane Müller Leal - Cirurgiã-dentista

Dra. Marcele Camponogara - Odontologia e Estética

Studio H de Mana, venha conhecer

CacauShow em novo endereço em São Gabriel. Venha conferir!

"Voz do Brasil" poderá mudar de horário a partir de quarta-feira


Um momento histórico para o rádio brasileiro deverá ser concretizado nesta quarta-feira, 4 de abril. O Presidente Michel Temer sancionará o projeto que flexibiliza o horário de veiculação do programa "A Voz do Brasil", terminando com a obrigatoriedade de iniciar às 19 horas. O programa pode iniciar até as 22h e quem optar por alterar o horário, deverá veicular diariamente, às 19h, uma inserção sonora comunicando esta mudança.


A sanção acontecerá em cerimônia marcada às 11 horas no Palácio do Planalto e contará com a presença de diversos radiodifusores. O Projeto de Lei nº 59503, que permite a a flexibilização do horário, foi aprovado pela Câmara na primeira quinzena de março. O texto expõe que as emissoras comerciais e comunitárias, mesmo que mudem a hora de veiculação, seguem com a obrigação de transmitir a atração do Governo Federal entre 19h e 22h.

Em discussão no Congresso desde 2003, o PL aprovado mantém o atual horário de transmissão para todas as emissoras educativas. Pelo texto, ficam estabelecidos 60 minutos ininterruptos de programa, distribuídos da seguinte forma: 25 minutos para o Poder Executivo, 5 minutos para o Poder Judiciário, 10 minutos para o Senado Federal e 20 minutos para a Câmara dos Deputados.

Nas rádios educativas, "A Voz do Brasil" continuará sendo veiculada às 19h. Atualmente, todas as emissoras de rádio são obrigadas a interromper sua programação a partir das 19h para transmitir o noticiário, que tem duração de uma hora. O programa foi criado em 1935 e a partir de 1938, se tornou obrigatório entre as 19h e as 20h, exceto aos sábados, domingos e feriados. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 03/04/2018 17h25
Contato: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: