Caderno7 - O site de notícias da Metade Sul: Vereadora Marielle Franco é morta a tiros no Rio de Janeiro

2ª Turma do Curso Preparatório para Vila Nova do Sul com a Aurora Cursos, clique aqui para saber mais

Dias 31/01, 1º e 2/02 - 2ª Festa da Cordeira e 1º Cordeiraço da Canção Nativa em Santa Margarida do Sul - prestigie!

Dia 1º de fevereiro, 9º Baile de Integração das Comunidades do Interior, nas Pontas do Salso

22-02-2020 Prestigie o Carnaval da Despertar, na Seven! Baile com Tudo di Bom. Clique aqui para mais info

Se inscreva no Vestibular de Verão da Urcamp - provas com agendamento diário

Dotto Advocacia - Cível, criminal, trabalhista, trânsito - clique aqui para entrar no site

Hospede-se na Rede de Hotéis Suárez, um hotel sempre perto de você! CLIQUE AQUI PRA FAZER SUA RESERVA

Conheça a Use Odontologia, agora em São Gabriel

Matricule-se no Fisk e ganhe um presente!

Garupa São Gabriel - Tá aqui do lado

Pague o IPTU 2020 em São Gabriel e tenha descontos até 10 de fevereiro!

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Inscreva-se no Valor S do Sicredi Pampa Gaúcho

Dra. Namiriane Müller Leal - Cirurgiã-dentista

Dra. Marcele Camponogara - Odontologia e Estética

Studio H de Mana, venha conhecer

Vereadora Marielle Franco é morta a tiros no Rio de Janeiro

Vereadora Marielle Franco, eleita pela primeira vez em 2016, foi morta a tiros na noite de quinta-feira no Rio (foto Facebook/reprodução)
A vereadora do PSOL do Rio de Janeiro, Marielle Franco, foi brutalmente morta a tiros na noite de quarta-feira (14), quando retornava de um evento na Lapa. Marielle, que tinha 38 anos e era conhecida como "cria da Maré", foi eleita com 46 mil votos em sua primeira disputa eleitoral. Sua morte chocou o País, onde ela era considerada uma das maiores defensoras das comunidades das favelas cariocas. A hipótese de execução pode ser o motivo do crime.
Marielle foi morta com o motorista, Anderson Pedro Gomes. Uma terceira passageira, assessora parlamentar da vereadora, foi atingida por estilhaços e sobreviveu. A suspeita é que ela tenha sido executada. Dias antes, a vereadora vinha denunciando abusos da Polícia Militar carioca em várias regiões do Rio.

Ela foi assessora parlamentar do deputado estadual Marcelo Freixo, maior apoiador de sua trajetória e sua carreira política vinha em ascensão. Socióloga formada pela PUC-Rio e mestra em Administração Pública pela Universidade Federal Fluminense (UFF), teve dissertação de mestrado com o tema “UPP: a redução da favela a três letras”. Trabalhou em organizações da sociedade civil como a Brasil Foundation e o Centro de Ações Solidárias da Maré (Ceasm). Coordenou a Comissão de Defesa dos Direitos Humanos e Cidadania da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), ao lado de Marcelo Freixo.

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 15/03/2018 14h33
Contato: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: