Caderno7 - O site de notícias da Metade Sul: Vereadora Marielle Franco é morta a tiros no Rio de Janeiro

Caderno7 na Expointer 2019 - acompanhe nossa cobertura de 24 de agosto a 1º de setembro

Expoagas - APNI

Vem aí em 23 de agosto o 4º Feirão de Fraldas da Drogaria Cidade

Vem aí a Penha de abertura da Semana Farroupilha com Os Monarcas, no CTG Querência Xucra

Faça o seu UnimedCARD, menos de 30 centavos por dia!

Conte com a excelência de nossos serviços na unidade de negócios ou em nossos canais digitais - Unicred

Expointer 2019: confira nosso site e garanta as melhores tarifas nos Hotéis Suárez! CLIQUE AQUI

UNOPAR é a sua escolha para o futuro

O Colégio Perpétuo Socorro promove o Mês Vocacional em agosto. Saiba mais clicando aqui

Conheça a Use Odontologia, agora em São Gabriel

Faça inglês e espanhol no Fisk - matrículas abertas

Aproveite as promoções da CVC em São Gabriel!

Tchê Burger - Vai um tchê aí? Seu novo delivery de lanches em São Gabriel

Garupa São Gabriel - Tá aqui do lado

More com conforto no Hotel Obino de São Gabriel. Saiba mais!

Renegocie suas dívidas judiciais com a Prefeitura com o REFIS Judicial

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Máquina de cartões Sicredi - a máquina que vem com um parceiro de negócios

Dra. Namiriane Müller Leal - Cirurgiã-dentista

Dra. Marcele Camponogara - Odontologia e Estética

Studio H de Mana, venha conhecer

Expointer 2019: confira nosso site e garanta as melhores tarifas nos Hotéis Suárez! CLIQUE AQUI

Gás Querência - promoção apenas 75 reais o botijão, no dinheiro

Vereadora Marielle Franco é morta a tiros no Rio de Janeiro

Vereadora Marielle Franco, eleita pela primeira vez em 2016, foi morta a tiros na noite de quinta-feira no Rio (foto Facebook/reprodução)
A vereadora do PSOL do Rio de Janeiro, Marielle Franco, foi brutalmente morta a tiros na noite de quarta-feira (14), quando retornava de um evento na Lapa. Marielle, que tinha 38 anos e era conhecida como "cria da Maré", foi eleita com 46 mil votos em sua primeira disputa eleitoral. Sua morte chocou o País, onde ela era considerada uma das maiores defensoras das comunidades das favelas cariocas. A hipótese de execução pode ser o motivo do crime.
Marielle foi morta com o motorista, Anderson Pedro Gomes. Uma terceira passageira, assessora parlamentar da vereadora, foi atingida por estilhaços e sobreviveu. A suspeita é que ela tenha sido executada. Dias antes, a vereadora vinha denunciando abusos da Polícia Militar carioca em várias regiões do Rio.

Ela foi assessora parlamentar do deputado estadual Marcelo Freixo, maior apoiador de sua trajetória e sua carreira política vinha em ascensão. Socióloga formada pela PUC-Rio e mestra em Administração Pública pela Universidade Federal Fluminense (UFF), teve dissertação de mestrado com o tema “UPP: a redução da favela a três letras”. Trabalhou em organizações da sociedade civil como a Brasil Foundation e o Centro de Ações Solidárias da Maré (Ceasm). Coordenou a Comissão de Defesa dos Direitos Humanos e Cidadania da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), ao lado de Marcelo Freixo.

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 15/03/2018 14h33
Contato: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: