Caderno7 - O site de notícias da Metade Sul: Recurso de Lula é rejeitado pelo TRF4

Vem aí o 5º Feirão de Fraldas da Drogaria Cidade - 25 de outubro!

05-12 Festa Final de Ano Lú Couros e Rafaela Weber - show com Sandro e Cícero

Ofertaço Grazziotin - de 16 a 20 de outubro

Inauguração da filial Porto Lanches na quinta, 10 de outubro

Matrículas abertas no Colégio Perpétuo Socorro para 2020!

Conheça a Use Odontologia, agora em São Gabriel

Faça inglês e espanhol no Fisk - matrículas abertas

Garupa São Gabriel - Tá aqui do lado

Renegocie suas dívidas judiciais com a Prefeitura com o REFIS Judicial

Conheça a página da Cauzzo São Gabriel no Facebook

Poupança? É Sim, Sicredi - Aproveite para fazer a diferença em sua vida financeira

Dra. Namiriane Müller Leal - Cirurgiã-dentista

Dra. Marcele Camponogara - Odontologia e Estética

Studio H de Mana, venha conhecer

Recurso de Lula é rejeitado pelo TRF4

Lula recorreu, mas TRF4 rejeitou recurso de condenação e ex-presidente poderá ser preso após STF julgar habeas corpus (foto divulgação)
O recurso dos advogados do ex-presidente Luis Inácio Lula da Silva que pedia embargos de declaração contra a sua condenação a 12 anos e um mês de prisão por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do tríplex do Guarujá, foi negado por unanimidade pelos desembargadores do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, em Porto Alegre, nesta segunda-feira (26).


Assim que o Supremo Tribunal Federal decidir sobre o habeas corpus de Lula, ele poderá ser preso. Até 4 de abril, não há como isso ocorrer. No embargo de declaração, a defesa do petista pedia a extinção do processo ou a sua absolvição.

Os desembargadores que julgaram o recurso foram os mesmos que tinham julgado Lula em 24 de janeiro - João Pedro Gebran Neto, Leandro Paulsen e Victor Luiz dos Santos Laus - porém, mais rápido por conta de ser um recurso. E o placar foi o mesmo: 3 a 0.

Com a rejeição do recurso, o ex-presidente é enquadrado na Lei da "Ficha Suja" e pode não disputar as eleições de 2018 se não recorrer de qualquer rejeição de sua candidatura, caso o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decida assim. A defesa pode pedir um embargo dos embargos de declaração. 

Reportagem: Marcelo Ribeiro 
Data: 26/03/2018 16h31
Contato: (55) 996045197 / 991914564 
E-mail: blogcadernosete@gmail.com 
jornalismo@caderno7.com
Comentário(s)
0 Comentário(s)

Nenhum comentário: